Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Zinacef - Bula

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípio ativo : cefuroxima

Apresentação : Frasco-ampola contendo 750 mg de cefuroxima na forma de pó com coloração branca e amarelo-clara, acompanhado de 1 ampola contendo 6 ml de água bidestilada.

Indicação :

Infecções por bactérias sensíveis ou nas circunstâncias que justifiquem seu uso antes da Identificação do agente causal. Zinacef é um antibiótico bactericida, resistente à maioria das betalactamases, ativo contra extensa gama de microorganismos Gram-positivos e Gram-negativos.

Contra indicação :

Hipersensibilidade aos antibióticos cefalosporínicos.

Modo de Usar :

Recomendações gerais: adultos: muitas infecções respondem ao tratamento com 750 mg, 3 vezes ao dia, através de injeções intramusculares ou intravenosas. Para infecções de maior gravidade, a dose poderá ser elevada para 1,5 g, 3 vezes ao dia, via intravenosa. A frequência das injeções intramusculares ou intravenosas pode ser aumentada, se necessário, para 4 administrações diárias, perfazendo doses totais de 3 a 6 gramas. Lactentes e crianças: 30 a 100 mg/kg/dia, divididos em 3 ou 4 doses. A dose de 60 mg/kg/dia é normalmente satisfatória para a maioria das infecções. Recém-nascidos: 30 a 100 mg/kg/dia, divididos em 2 ou 3 doses. Nas primeiras semanas de vida, a meia-vida sérica da cefuroxima pode ser 3 a 5 vezes a observada no adulto. Gonorréia: administrar 1 dose única de 1,5 g, eventualmente em 2 injeções IM de 750 mg em lugares diferentes; por exemplo, em cada nádega. Meningite: Zinacef é adequado como terapia única na meningite bacteriana devido à sensibilidade das linhagens. Adultos: 3 g IV de 8 em 8 horas. Lactentes e crianças: 150-250 mg/kg/dia IV divididos em 3 ou 4 doses. Recém-nascidos: a dose recomendada é de 100 mg/kg/dia IV. Zinacef é compatível com a maioria dos solutos intravenosos de uso comum. Posologia na insuficiência renal: a exemplo dos demais antibióticos excretados pelos rins, nos pacientes portadores de hipofunção renal, recomenda-se reduzir a dose do Zinacef, a fim de compensar a excreção mais lenta. Nos casos de insuficiência renal importante (filtrado de 10-20 ml/min), serão suficientes 750 mg, 2 vezes ao dia e, diante de comprometimento mais grave (filtrado glomerular < 10 ml/min), 1 única dose diária de 750 mg será satisfatória. Nos pacientes sob diálise, deve-se administrar uma dose suplementar de 750 mg IM ou IV ao final de cada procedimento. Em adição ao uso parenteral, a cefuroxima pode ser incorporada ao fluido de diálise peritoneal (geralmente 250 mg para cada 2 litros de fluido de diálise). Administração: intramuscular: adicionar 3 ml de água bidestilada para injeção. Agitar delicadamente até que se forme uma suspensão opaca. Intravenosa: dissolver Zinacef em 6 ml de água bidestilada. Para infusões de curta duração (por exemplo, até 30 minutos), diluir 1,5 g em 50 ou 100 ml de água para injeções. Estas soluções podem ser administradas diretamente na veia ou introduzidas na borrachinha do equipo de perfusão, caso o paciente esteja recebendo líquido por via parenteral. Posologia de Zinacef para adultos com insuficiência renal: VFG (Velocidade Filtração Glomerular) 10-20 ml/min (insuficiência importante), dose máxima: 750 mg, 2 vezes ao dia. VFG (Velocidade Filtração Glomerular) < 10 ml/min (insuficiência grave), dose máxima: 750 mg, 1 vez ao dia. Na profilaxia a dose usual é 1,5 g por via intravenosa com a indução da anestesia para cirurgias abdominais, pélvicas e ortopédicas. Esta dose pode ser suplementada com 2 doses de 750 mg IM, 8 e 16 horas após. Em cirurgias cardíacas, pulmonares, esofágicas e vasculares a dose usual é 1,5 g IV com a indução da anestesia e complementada com 750 mg, 3 vezes ao dia nas próximas 24 a 48 horas. Na substituição total de articulações, 1,5 g de cefuroxima em pó seco pode ser misturado com o conteúdo de uma embalagem do cimento do polímero de metacrilato de metila antes de adicionar o monômero líquido.

Efeito Colateral :

As reações adversas ao Zinacef têm sido relativamente raras e em geral de natureza leve e transitória. Os efeitos descritos incluem erupção cutânea (maculopapular e urticariforme), febre, distúrbios gastrintestinais e intertrigo (Candida). Como ocorre com outros antibióticos, o uso prolongado pode levar a um supercrescimento de organismos não suscetíveis, por exemplo, Candida. Distúrbios gastrintestinais, incluindo muito raramente sintomas de colite pseudomembranosa, pode ocorrer durante o tratamento. As principais alterações nos parâmetros hematológicos observados em alguns pacientes foram: decréscimo na concentração de hemoglobina no hematócrito e eosinofilia transitória, leucopenia e neutropenia. Em alguns casos foi verificado teste de Coombs positivo com a prova cruzada do sangue. Conquanto se verifiquem no soro elevações ocasionais das enzimas hepáticas e da bilirrubina, particularmente em portadores de doença hepática preexistente, não há evidência de comprometimento do órgão pelo uso do Zinacef. Pode-se igualmente verificar certa variação nos resultados dos testes bioquímicos de função renal, mas que não parecem assumir importância clínica. Caso entretanto, a função renal já esteja comprometida, será aconselhável monitorá-la, a titulo de precaução. Pode ocorrer dor transitória no local da injeção, principalmente quando da administração de doses mais elevadas da administração intramuscular. É pouco provável, todavia, que a intensidade do efeito leve à descontinuação do tratamento. Superdosagem: os níveis séricos de Zinacef são reduzidos através da diálise. A superdosagem de cefalosporinas pode causar irritação cerebral, que pode levar a convulsões.

Advertências e Precauções

Os antibióticos cefalosporínicos podem geralmente ser administrados com segurança a paciente hipersensível às penicilinas, embora existam relatos de reação cruzada. Recomenda-se cuidado especial para os pacientes que já experimentaram reação anafilática à penicilina. Na administração de antibióticos cefalosporínicos em doses elevadas deve-se observar cautela no caso de pacientes sob tratamento concomitante com diuréticos potentes, como a furosemida e aminoglicosídeo, uma vez que há suspeita de que tais associações afetem adversamente a função renal. As experiências clínicas têm demonstrado ser pouco provável que tal fato se constitua em problema com o Zinacef, nas doses recomendadas. Embora não haja evidência experimental de efeitos embriopáticos ou teratogênicos tributáveis ao Zinacef, deve-se ter precaução, tal como para qualquer medicamento, quando do seu emprego em mulheres grávidas ou que estejam amamentando. Recomenda-se usar os métodos da glicose-oxidase ou glicoquinase para se determinar os níveis de glicose sanguínea em pacientes usando Zinacef. Pode ser observada ligeira interferência nos métodos baseados na redução do cobre (Benedict, Fehling, Clinitest), sem induzir, contudo, resultados falso-positivo, como pode ocorrer com outras cefalosporinas. Zinacef não interfere com os testes enzimáticos para glicosúria. Zinacef pode originar falsas reações negativas na prova do ferricianeto. Algumas cefalosporinas podem provocar leitura falsamente elevada na prova do picrato alcalino para a creatinina, embora seja pouco provável que tal acréscimo tenha importância clínica. A exemplo do que ocorre com outros antibióticos, o uso prolongado do Zinacef poderá resultar no desenvolvimento de microorganismos não sensíveis.

Fórmula :

Cada frasco-ampola contém: cefuroxima (como salsódico) 750 mg, acompanhado de uma ampola contendo 6 ml de água bidestilada para administração intramuscular e intravenosa.

Fabricante :

Fabricado por: GlaxoSmithKline Brasil Ltda.Estrada dos Bandeirantes, 8.464
Rio de Janeiro - RJ
CNPJ: 33.247.743/0001-10
SAC: 0800 701 2233
Indústria Brasileira

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

Medicamentos do mesmo fabricante :

Aas 150, Aeroflux, Aerolin Comprimido, Aerolin Spray, Aerolin Xarope, Aerolin, Aerotide, Agenerase, Alkeran, Altargo, Amoxil 500 mg, Amoxil 500 mg, Amoxil BD, Amoxil, Antak 300 mg, Antak 150 mg, Antak, Atenol, Atinac, Aturgyl, Augmentin Duo Comprimidos, Augmentin Duo, Augmentin ES, Augmentin SR, Augmentin, Biovir, Calpol, clavulin BD, clavulin, clotan, Dequadin, Fisohex_ii, Flixonase, Fluarix, Flutivate, Fortaz, Fraxodi, Havrix, Hiberix, Imigran solução, Imigran, Imigranradis, Imuran, Infanrix, Lacipil, Lamictal, Lanoxin, Lanvis, Leite Magnésia, Lidosporin, Loncord, Marevan, Mebenix, Naramig, Nimbium, Nimovas, Niquitin CQ 2, Niquitin, Otosporin, Panadol Extra, Panadol, Pronazol, Pylorid, Relifex 500 mg, Relifex, Ridaura, Seretide, Seroxat 20, Seroxat, Valtrex, Varilrix, Wellbutrin SR 150 mg, Wellbutrin SR, Wellbutrin XL 150 mg, Wellbutrin XL 300 mg, Wellbutrin XL, Wellbutrin xr, Welleferon, Zantac, Zeffix, Zentel, Ziagenavir, Zinacef-750-mg, Zinacef, Zinnat 125 mg, Zinnat Suspensão, Zinnat, Zofran, Zovirax 200 mg, Zovirax 250 mg, Zovirax 400 mg, Zovirax, zyban, Zyloric, zyrtec


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.

Emagrecimento e Aumento de Massa Muscular