Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial.Vários tipos de calculadoras médicasProcure o medicamento pelo princípio ativoProcure o medicamento pela classe terapêuticaMande-nos um e-mail

Rilan Nasal 4% - Bula

Bula do medicamento antihistaminico, indicado no tratamento sintomático da rinite.

Princípio ativo : Cromoglicato Dissodico.

Classe terapêutica : Antihistaminicos Tópicos.

Apresentação : Frasco plástico dotado de aplicador nasal dosimetrado, contendo 13 ml da solução. Cada jato dosimetrado corresponde a 5,2 mg de cromoglicato dissódico.

Indicação : Tratamento profilático e sintomático da rinite alérgica.

Efeito Colateral :

Durante os primeiros dias de uso pode ocorrer uma irritação local. Em raros casos podem ocorrer dificuldades respiratórias ou chiados.

Contra indicação :

É contraindicado em pacientes que apresentem hipersensibilidade ao cromoglicato dissódico, ou outros componentes da sua fórmula.

Precauções :

Como regra geral aplicável a todos os medicamentos, deve-se evitar o seu emprego nos primeiros 3 meses da gestação. Não se sabe se a droga excretada no leite humano, como também não há informações que sugiram que o uso do cromoglicato dissódico por lactantes tenha qualquer efeito indesejável para a criança.

Ação Esperada do Medicamento

RILAN É um medicamento de efeito comprovado no tratamento preventivo da rinite alérgica e, como tal, deve ser usado regularmente, mesmo na ausência de sintomas. O efeito terapêutico máximo pode levar alguns dias para ser atingido.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

Não use remédio sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para sua Saúde.

Fórmula :

Cada ml contêm: Cromoglicato dissódico 40 mg; veículo q.s.p 1 ml.

Dosagem

Adultos e crianças: Uma aplicação em cada narina, 2 a 4 vezes ao dia ou a critério médico.

Observação: O frasco está parcialmente cheio para permitir o funcionamento adequado do dosímetro.
Nota: Sendo RILAN uma medicação profilática, importante que o paciente mantenha uma dosagem regular, mesmo na ausência de sintomas.

Informações Técnicas

O cromoglicato dissódico, substância ativa de RILAN, usado topicamente na mucosa nasal, inibe a liberação de mediadores químicos dos mastócitos sensibilizados, tais como a histamina, a substância de reação lenta de anafilaxia (SRL-A) e fatores quimiotáticos que são responsáveis pela reação alérgica. A inibição da liberação destas substâncias irá prevenir os sintomas da rinite alérgica.

Informações ao paciente

Conservar o produto ao abrigo do calor excessivo e da luz. O prazo de validade é de 36 meses a partir da data de fabricação . Não utilizar o produto fora de seu prazo de validade, sob o risco de não produzir os efeitos desejados.
Instruções para uso
Remova a tampa e então retire o grampo de segurança.
Pressione o frasco para cima com o polegar, e então deixe voltar até que libere um único jato.
Com o frasco na posição vertical, introduza a ponta na narina e pressione o frasco totalmente para cima e solte. Isto representa uma dose. Repita o procedimento na outra narina.
Ao término do uso, limpe a ponta do frasco e coloque a tampa. Para evitar o acionamento acidental, recoloque também o grampo de segurança.

Interação Medicamentosa :

Não foi observada nenhuma evidência de interação com outros fármacos.

Modo de Usar :

Uso tópico.

Superdosagem :

Devido ao excepcional baixo nível de toxicidade local e sistêmica do cromoglicato dissódico, improvável que a superdosagem cause algum problema, porém, caso for suspeitado, o tratamento deve ser de suporte e direcionado ao controle dos sintomas relevantes.

Fabricante :

UCI FARMA

Rua do Cruzeiro, 374
São Bernardo do Campo/SP - CEP: 09725-310
Tel: (011)414-2022
Fax: (011)448-5253

SAC 0800 191 291

Medicamentos do mesmo fabricante :

Bispect.html, Cisapan, Clopsina, Dormicum Solução Injetável, Exelmin, Glimepirida Jaba 1, Glimepirida Jaba 2, glimepirida Jaba 3, Glimepirida Jaba 4, Mucocetil, Nisalgen, Omep, Pt Acf 02, Pyr Pam, Rilan Nasal 4, Virazole, Zadine.

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode ser-lhes prejudicial, mesmo que apresentem os mesmos sintomas.
Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.
O ministério da saúde adverte: a automedicação pode fazer mal à sua saúde.
Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária. Trata-se de um registro histórico deste medicamento.
Este texto não pode substituir a leitura da bula que acompanha o medicamento.
Os medicamentos podem mudar suas formulações, recomendações e alertas.
Apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão do medicamento comercializada.
Todas as bulas constantes no site portal são meramente informativas.
Lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.