Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Prostigmine - Bula

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípio ativo : Neostigmina.

Classe terapêutica : Antiparkinsonianos.

Apresentação : Solução injetável 0,5 mg/ 1 ml - caixa com 50 ampolas

Indicação : Constipao aténica, meteorismo (por exemplo, antes do exame radiológico); atonia intestinal Pós-operatéria e reteno urinária; miastenia gravis pseudoparaltica; antagonista dos curarizantes (para neutralizar o efeito miorrelaxante do curare e dos preparados do mesmo tipo).

Efeito Colateral :

Prostigmine pode provocar reações adversas funcionais sobre o sistema neurovegetativo. As reações
adversas do tipo muscarúnico podem traduzir-se por náuseas, vômitos, diarreia, célicas abdominais, aumento do peristaltismo e das secreções brônquicas, hipersalivao e lacrimao, bradicardia e miose. Os efeitos secundários nicotúnicos so representados principalmente por espasmos musculares, contrações e fraqueza muscular.
reações colinrgicas ao Prostigmine podem constituir um sário problema quando o produto for utilizado para neutralizar a ao de miorrelaxantes não-despolarizantes. Por este motivo, recomenda-se Administração simultânea de Prostigmine e sulfato de atropina (vide itens "Dosagem e Administração" e "Superdosagem").

Contra indicação :

Prostigmine está contra indicado em pacientes com obstruo intestinal mecúnica ou do trato urinário, bem como nos casos de conhecida hipersensibilidade droga.
Prostigmine não deve ser administrado em Associação com os miorrelaxantes despolarizantes, como o
suxametnio.

Precauções :

Prostigmine deve ser administrado com cautela a pacientes com bradicardia, asma brônquica ou diabetes
mellitus e após cirurgia gastrintestinal.
A não obteno de resposta terapêutica desejada com Prostigmine pode ser devido a superdosagem (vide item "superdosagem").

Como Usar Prostigmine

Prostigmine só deve ser usado quando receitado por um médico. Este medicamento em geral é bem tolerado pela maioria dos pacientes, porêm informe seu médico:
se estiver tomando outros remédios e quais so eles. Não use e não misture remédios por conta própria;
se está ou deseja engravidar e se planeja amamentar o seu beb;
se sentir cansaço, contratura muscular excessiva, dificuldade para andar;
se sentir outros sintomas que voc julgue não estarem relacionados com a sua doença.
Não faa uso de bebidas alcolicas enquanto estiver em tratamento com Prostigmine.

Fórmula :

Ampolas contendo 0,5 mg/1 ml de metilsulfato do ster dimetilcarbmico de (3-hidroxifenil) trimetilamônio.
Excipiente: 8 mg de cloreto de sódio por ml, água para injeo.

Distribuio

Prostigmine rapidamente distribudo no espao extracelular após a injeo intravenosa. O pico da atividade farmacológica geralmente alcançado em 7 a 15 minutos após a administração intravenosa. O volume aparente de distribuio 0,5 a 1 l/kg.

Dosagem Padro

Constipao aténica, meteorismo (p. ex., antes do exame radiológico):
Adultos: é a 1 ampola de 1 ml (0,25-0,5 mg) por via subcutânea ou intramuscular.
Crianças: é a é ampola de 1 ml (0,125-0,25 mg) por via subcutânea ou intramuscular. recomendvel se
administrar um enema de glicerina (50 ml, 10%) ou enema salino (20 ml, 10%) 30 minutos após a injeo de
Prostigmine.
Atonia intestinal Pós-operatéria e reteno urinária:
Profilaxia: é ampola de 1 ml (0,25 mg) por via subcutânea ou intramuscular imediatamente após a cirurgia;
repetir esta dose cada 4 a 6 horas, caso necessário.

Eliminao

A meia-vida de eliminao de Prostigmine varia marcadamente, sendo de aproximadamente 1 hora.
Prostigmine eliminado por mecanismos renais e extra-renais. 60 a 80% da dose eliminada em 24 horas, na urina, como Prostigmine inalterado ou na forma de metabólitos.


USO ADULTO E pediátrico

Identificação do Produto

Nome genrico
Metilsulfato de neostigmina

Instruções Especiais de Dosagem

Intervalos de dosagem prolongados ou diminuição da dosagem poderão ser indicados em pacientes com
disfunção renal.

Interação Medicamentosa :

Prostigmineé antagoniza os efeitos dos relaxantes musculares não-despolarizantes do grupo do curare. A
atropina age contrariamente s reações colinrgicas do Prostigmine, principalmente bradicardia e
hipersecreo.

Metabolismo

Prostigmine metabolizado principalmente para 3-hidroxifenil-trimetilamônio e Vários compostos não
identificados.

Prazo de Validade

Este medicamento possui prazo de validade a partir da data de fabricação (vide embalagem externa do produto).
O uso de remédio com prazo de validade vencido não recomendvel.
TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS. NO TOME Remédio SEM O CONHECIMENTO DE SEU médico. PODE SER PERIGOSO PARA A SUA Saúde.

Propriedades e Efeitos

As propriedades colinrgicas do Prostigmine baseiam-se em seu efeito inibidor da colinesterase, que
estabiliza a acetilcolina, cuja ao , desta forma, reforçada e prolongada. Ao nível dos sistemas digestivo e geniturinário, assim como outros rgos da musculatura lisa, Prostigmine provoca contrações e aumento do peristaltismo.
Prostigmine neutraliza o bloqueio neuromuscular induzido pelos miorrelaxantes do curare e dos preparados do mesmo tipo (i.e., não despolarizantes), porêm interage sinergisticamente com miorrelaxantes polarizantes.

Quando Suspender o Tratamento

Seu médico sabe o momento ideal para suspender o tratamento.

Superdosagem :

Como ocorre com outros inibidores colinrgicos, a superdosagem com prostigmine pode provocar crise
Colinrgica caracterizada por acentuada fraqueza muscular (ou aumento deste sintoma nos miastânicos). caso esta condio não seja identificada, existe o risco de bito devido à paralisia dos mêsculos respiratérios.
Bradicardia, ou paradoxalmente, taquicardia, também podem ocorrer.
O tratamento consiste em interruPóo imediata do prostigmineé ou de outros colinrgicos e a administração de 1 a 2 mg de sulfato de atropina por via intravenosa lenta. dependendo da pulsao do paciente, esta dose deve ser repetida, caso seja necessário, em intervalos de 2 a 4 horas.

Tratamento

Adultos: 1 ampola de 1 ml (0,5 mg) por via subcutânea, intramuscular ou por via intravenosa muito lentamente; repetir esta dose cada 4 a 5 horas, caso necessário.
Crianças: é a é ampola de 1 ml (0,125-0,25 mg) por via subcutânea ou intramuscular.
Miastenia gravis pseudoparaltica: A dosagem deve ser ajustada de acordo com o grau de paralisia; Pode ser necessária a Associação com Mestinon (substância ativa: piridostigmina).
Antagonista dos curarizantes (para neutralizar os efeitos miorrelaxantes do curare e dos preparados do
mesmo tipo, relaxantes musculares não despolarizantes): 1-5 mg por via intramuscular e/ou por via
intravenosa e, eventualmente com 0,4-1,2 mg de sulfato de atropina para reduzir os efeitos adversos
colinrgicos, tais como bradicardia e hipersecreo.
As doses acima citadas não devem ser excedidas nem mesmo no caso de superdosagem de curarizantes.

Uso Durante a Gravidez e Na Lactao

Não foram realizados estudos sobre a ao do metilsulfato de neostigmina (Princípio ativo do Prostigmine) na gravidez, seja em seres humanos seja em animais de experimentao. Portanto, deve-se observar o Princípio médico de não se administrar medicamentos durante a gravidez e a lactantes, a não ser em casos de extrema necessidade e, mesmo assim, utilizando-se dose bem ajustada e sob observao médica.
Desconhece-se, até o momento, se Prostigmine excretado pelo leite materno.

A Dose

Somente o médico sabe a dose ideal de Prostigmine para o seu caso. Siga suas recomendações. Não mude as doses por sua conta.

o Produto

Prostigmine pertence a um grupo de medicamentos chamados vagotúnicos ou colinrgicos. Este produto
está particularmente indicado em vrias doenças que atingem os mêsculos ou mesmo como antagonista de
outras drogas que levam ao relaxamento muscular excessivo.

Fabricante :

Roche Químicos Farmacêuticos S/A

Estrada dos Bandeirantes, 2020 – cep 22775-109
Rio de Janeiro – RJ - Brasil

Canal do Médico: 0800 77 20 292
Canal do Paciente: 0800 77 20 289

Ancotil, Bactrim, Cellcept, Coreg, Efurix, Fansidar, Fortovase, Globocef, Granulokine, Herceptin, Hivid, Lanexat, Lariamar, Limbitrol, Liquemine, Mabthera, Marcoumar, Pegasys, Posicor, Prolopa, Prostigmine, Protamina, Protovit, Pulmozyme, Rennie, Roacutan, Rocaltrol, Rocefin im, Rocefin iv, Rochagan, Roferon a, Uro bactrim, Verutex, Vesanoid


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A automedicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.