Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Perindopril - Indapamida - Prilpa - Bula

Esta bula é meramente informatica destinada ao público em geral.

Princípio ativo : Perindopril + Indapamida

Apresentação : 2 mg + 0,625 mg Comprimidos

Indicação :

Este medicamento é um anti-hipertensor e destina-se ao tratamento da hipertenso arterialessencial (sem causa conhecida).

2. ANTES DE UTILIZAR PERINDOPRIL + INDAPAMIDA PRILPA

Não utilize Perindopril + Indapamida Prilpa
- se é alérgico ao perindopril ou a outros inibidores da enzima de converso da angiotensina, indapamida ou s sulfonamidas ou a qualquer dos outros componentes deste medicamento,
- se tem antecedentes de edema de Quincke (inchao brusco do rosto e do pescoo) relacionadoscom a toma de um inibidor da enzima de converso da angiotensina,
- se tem antecedentes de edema de Quincke, familiares ou de causa desconhecida,
- se tem uma insuficincia renal grave ou uma afecção hepática grave,
- se tem hipocalimia (descida anormal do valor de potássio no sangue),
- se faz dilise,
- se tem insuficincia cardíaca,
- durante a gravidez ou o aleitamento (ver Gravidez e aleitamento),
- salvo opinio contrria do seu médico, este medicamento não pode ser utilizado em caso deassociação com lítio, sais de potássio, diuréticos poupadores de potássio e com certosmedicamentos que possam favorecer o aparecimento de alterações do ritmo cardíaco, em caso dehipercalimia, em casos de aperto da artria renal e em casos de funcionalidade de um s rim.

Tome especial cuidado com Perindopril + Indapamida Prilpa
- se sofre de alterações do equilíbrio electroltico, diabetes, gota, hipotenso ou segue uma dietaestritamente "sem sal",

- se tem insuficincia renal ou cardíaca, aterosclerose, estenose da artria renal,
- se idoso.
O seu médico pode prescrever-lhe exames laboratoriais para controlo do tratamento.
Em caso de intervenção cirúrgica, prevenir o anestesista da toma deste medicamento.

Advertências Especiais:
a administração do medicamento deve ser interrompida em caso de afecção hepática.
Em caso de aparecimento de tosse seca, imperativo consultar de novo o médico que avaliaré acontinuação do tratamento.

particularmente importante que previna o seu médico:
- em caso de reações alérgicas,
- em caso de edema da face, lbios ou laringe,
- se tiver que ser hemodialisado.

Tomar Perindopril + Indapamida Prilpa com outros medicamentos
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Salvo indicação médica, não é aconselhável a utilização simultânea de Perindopril + Indapamida
Prilpa com o lítio, sais de potássio, diuréticos poupadores de potássio, alopurinol, citostáticos ouimunosupressores, corticosteróides, procainamida, outros antihipertensores e certosmedicamentos que podem favorecer o aparecimento de alterações do ritmo cardíaco.
Deve ter-se precaução especial quando se tomam antidiabéticos, baclofeno, AINES, salicilatosem doses elevadas, medicamentos hipocalemiantes e digitlicos com Perindopril + Indapamida
Prilpa.

reações anafiláticas durante a dessensibilização
Foram relatados casos isolados de doentes com reações anafiláticas, com risco de vida, quereceberam inibidores da ECA durante tratamentos de dessensibilização com veneno dehimenpteros (abelhas, vespas). Os inibidores da ECA devem ser utilizados com precaução emdoentes alérgicos submetidos a dessensibilização, e evitados nos sujeitos a veneno imunoterapia.
Contudo, estas reações podem ser evitadas com a interrupção temporria do inibidor da ECApelo menos 24 horas antes do tratamento, nos doentes que necessitem de ambos, inibidor da ECAe dessensibilização.

reações anafiláticas durante a exposição a membranas
Foram relatados casos de doentes que sofreram reações anafiláticas, com risco de vida, aoreceberem inibidores da ECA durante dilise com membranas de alto fluxo ou aferese delipoproteínas de baixa densidade com adsorção por sulfato dextrano. Os inibidores da ECAdevem ser evitados nestes doentes. Contudo, estas reações podem ser evitadas com a interrupçãotemporria do inibidor da ECA pelo menos 24 horas antes do tratamento, nos doentes quenecessitam de ambos, inibidor da ECA e LDL aferese.

Gravidez e aleitamento
Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.
Deve ser o seu médico a avaliar os riscos e benefícios do tratamento antes de lhe receitar
Perindopril + Indapamida Prilpa durante a gravidez.

Não deve tomar Perindopril + Indapamida Prilpa se estiver a amamentar.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Podem surgir reações individuais relacionadas com uma descida da presso arterial. Assim, acapacidade para a condução de veículos ou utilização de máquinas pode estar diminuída.

Informaçães importantes sobre alguns componentes de Perindopril + Indapamida Prilpa
Perindopril + Indapamida Prilpa contêm lactose, se foi informado pelo seu médico que temintolerância a alguns açúcares, contacte-o antes de tomar este medicamento.

3. COMO UTILIZAR PERINDOPRIL + INDAPAMIDA PRILPA

Tome Perindopril + Indapamida Prilpa sempre de acordo com as instruções do médico. Fale como seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.

A posologia usual de um comprimido por dia.
Via oral.
Uma sé Administração por dia, de pReferência pela manhã antes do pequeno-almoço.

Caso se tenha esquecido de tomar Perindopril + Indapamida Prilpa
Caso se esquea de tomar a dose no tempo certo, tome-a assim que se lembrar. Não tome umadose dupla para compensar doses esquecidas. Se for quase altura de tomar a próxima dose, espereaté l e retome as tomas como antes.

Se tomar mais Perindopril + Indapamida Prilpa do que deveria
Nunca deve tomar mais comprimidos do que os recomendados pelo seu médico. Em caso de umasobredosagem contactar sempre um médico ou o hospital mais próximo.
Leve esta bula e qualquer comprimido que ainda tenha para mostrar ao médico.

O efeito mais provável, em caso de sobredosagem é a hipotenso.
Caso se verifique uma hipotenso marcada, o doente deve deitar-se com as pernas elevadas.
Se o mal-estar continuar, avisar imediatamente o médico.

4. Efeitos secundários POSSVEIS

Como os demais medicamentos, Perindopril + Indapamida Prilpa pode causar efeitos secundários,no entanto estes não se manifestam em todas as pessoas.

Efeitos secundários que frequentemente podem ocorrer so perturbações digestivas (mal estar anível do estômago, falta de apetite, náuseas, dores de barriga, obstipação, alteração do paladar eboca seca) e tosse seca.
Menos frequentemente podem ocorrer reações de tipo alérgico, erupções cutâneas, hipotenso,dores de cabeça (cefaleias), sensação de fadiga (astenia), sensação de vertigem, mudanças dehumor e /ou alterações de sono e cãibras.
Muito raramente pode observar-se pancreatite, edema angioneurtico e alterações sanguíneas
(trombocitoPónia, leucoPónia, agranulocitose, anemia aplsica e hemoltica).
Existe risco de desidratação aumentado nos idosos e nos insuficientes cardíacos.

É possível que se verifiquem alterações dos parâmetros sanguíneos, particularmente uma perda depotássio, especialmente nos idosos ou desnutridos; o médico pode mandar fazer exameslaboratoriais a fim de controlar estes parâmetros.

5. COMO CONSERVAR PERINDOPRIL + INDAPAMIDA PRILPA

Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Conservar na embalagem de origem.
O medicamento não necessita de quaisquer precauções especiais de conservação.

Não utilize Perindopril + Indapamida Prilpa após o prazo de validade impresso no blister e na embalagem exterior.

Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte aoseu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita. Estas medidas irãoajudar a proteger o ambiente.

6. Outras Informações

Qual a composição de Perindopril + Indapamida Prilpa
- as substâncias ativas so o perindopril e a indapamida. Cada comprimido contêm 2 mg deperindopril, sal de tert-butilamina equivalentes a 1,669 mg de perindopril e 0,625 mg deindapamida.
- os outros componentes so: lactose monohidratada, celulose microcristalina, slica coloidalanidra e estearato de magnésio.

Qual o aspecto de Perindopril + Indapamida Prilpa e conteúdo da embalagem
Perindopril + Indapamida Prilpa É um medicamento que se apresenta sob a forma decomprimidos.

Perindopril + Indapamida Prilpa encontra-se disponível em embalagens contendo 14, 20, 28, 30,
50, 56, 60, 90, 100 e 500 comprimidos.
É possível que não sejam comercializadas todas as Apresentações.

Fabricante :

Fabricante :
Ratiopharm Comrcio e Indústria de Produtos farmacêuticos, Lda.
Rua Quinta do Pinheiro Edifício Tejo 6 Piso
2790-143 Carnaxide

Fabricante
SPECIFAR S.A.
1, 28 Octovriou Str., 12351 AG, Varvara, Atenas
Grcia

Merckle GmbH
Ludwing-Merckle Strasse, 3
D-89143 Blaubeuren
Alemanha

Para quaisquer informaçães sobre este medicamento, queira contactar o Fabricante :.

Medicamento sujeito a receita médica.


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A automedicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.