Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Minoton - Bula

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípio ativo : aminofilina

Apresentação : Solução injetável: Embalagem com 100 ampolas de 10 ml.

COMPOSIÇÃO

Cada ml da solução injetável contém:
aminofilina ....................... 24 mg
água para injeção, estéril e apirogênica q.s.p. ................................1,0 ml
INFORMAÇÕES AO PACIENTE
· Ação esperada do medicamento
O produto trata e previne a asma brônquica, alivia a sensação de falta de ar e melhora a função pulmonar. Previne a asma induzida pelo exercício físico.
· Cuidados de conservação
Conservar em temperatura ambiente (entre 15°C e 30°C) e proteger da luz.
· Prazo de validade
24 meses a partir da data de fabricação. Ao adquirir um medicamento, verifique o prazo de validade na embalagem. O produto mantém sua estabilidade, desde que sejam observados os cuidados de conservação indicados. Não utilize medicamentos após vencido o prazo de validade.
· Gravidez e lactação
Informe seu médico a Ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término. Informar ao médico se está amamentando.
· Cuidados de Administração
Siga a orientação do seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. A dose a ser aplicada, o intervalo entre ela e a duração do tratamento devem ser avaliadas pelo médico.
· Interrupção do tratamento
Não interromper o tratamento sem o conhecimento do seu médico.
· Reações adversas
Informe seu médico o aparecimento de reações desagradáveis com o uso do produto, tais como: náuseas, vômitos, diarreia, dor de cabeça, palpitações.
· Interações Medicamentosas:
-Informe seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início ou durante o tratamento.
· Contra-Indicaçõese precauções
-Usar com cuidado em pessoas com doença cardíaca grave, hipertireoidismo, dano hepático, idosos e recém-nascidos.
·TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.· NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO, PODE SER PERIGOSO PARA A SUA SAÚDE.
INFORMAÇÕES TÉCNICAS CARACTERÍSTICAS
A Aminofilina, ou seja, a Teofilina etilenodiamina, encontra-se amplamente indicada na patologia respiratória, circulatória e renal.
Seu mecanismo de ação não está ainda totalmente esclarecido.
Age relaxando o músculo liso dos brônquios e dos vasos sanguíneos pulmonares, parece que por alteração da concentração dos íons cálcio no músculo liso, bloqueio dos receptores da adenosina e inibição da liberação de histamina e leucotrienos nos mastócitos.
Estimula o centro respiratório medular, talvez por aumentar a sensibilidade do mesmo às ações estimulantes do dióxido de carbono e aumentar a ventilação alveolar.
Tem outras ações tais como: vasodilatadora coronária, diurética e estimulação cardíaca, cerebral e do músculo esquelético.
Indicação :
A Aminofilina está indicada no tratamento e profilaxia da asma-brônquica, aliviando a sensação de falta de ar e melhorando a função pulmonar. Previne a asma induzida pelo exercício físico.
Indicada também no tratamento da bronquite e do enfisema pulmonar.
Pode também ser empregada como antiespasmódico (cólicas biliares), estimulante cardíaco, diurético e como coadjuvante no tratamento da insuficiência cardíaca congestiva e no edema pulmonar.
CONTRA-Indicações
O produto não deve ser administrado a pacientes com úlcera péptica ativa, pois pode aumentar o volume e acidez das secreções gástricas.
Não deve ser usado com outras xantinas.

PRECAUÇÕES E ADVERTÊNCIAS
Usar com precaução em pacientes com doença cardíaca grave, hipertireoidismo,dano hepático, em idosos (especialmente homens) e em neonatos.
Pode ocorrer reações cruzadas de sensibilidade entre xantinas.
Não se estabeleceu a segurança do uso da Aminofilina na gravidez, desta forma não deve ser usada durante a gravidez e durante a lactação, a menos que seja absolutamente necessário.
A anestesia pelo halotano na presença de Aminofilina pode causar taquicardia sinusal ou arritmias ventriculares.
ATENÇÃO: NÃO MISTURE MEDICAMENTOS DIFERENTES. A TROCA PODE SER FATAL.
CERTIFIQUE-SE QUE ESTÁ SENDO ADMINISTRADO O MEDICAMENTO PRESCRITO.
DEVE-SE TER EXTREMO CUIDADO PARA NÃO TROCAR AS AMPOLAS COM SOLUÇÕES DIFERENTES.

Interações Medicamentosas:
Níveis séricos elevados de Teofilina podem ocorrer em pacientes tratados concomitantemente com aminofilina e cimetidina, troleandomicina, eritromicina, alopurinol ou contraceptivos orais. A adição de efedrina ou outras drogas simpatomiméticas à terapia com aminofilina aumenta o potencial de toxicidade e pode resultar em sintomas de superdosagem. Uso concomitante com fenobarbital, fenitoína ou rifampicina pode aumentar a depuração da teofilina, necessitando de um possível aumento na dose de aminofilina. Aminofilina pode antagonizar os efeitos do propanolol.
REAÇÕES ADVERSAS Podem ocorrer náuseas, vômitos, anorexia, dispepsia, diarreia, palpitação, taquicardia, vertigem, cefaleia, distúrbios visuais, taquipnéia e coma.

POSOLOGIA E MODO DE USAR
O profissional deverá inspecionar, antes de sua utilização, se a solução no interior da ampola está na forma líquida, livre de fragmentos ou de alguma substância que possa comprometer a eficácia e a segurança do medicamento. Não utilizar o medicamento ao verificar qualquer alteração no produto que possa comprometer a saúde do paciente.
1 a 2 ampolas por via intravenosa ou 1 a 2 ampolas por via intramuscular, 2 vezes por semana até 2 vezes ao dia. Depois de abertas, as ampolas de Minoton (aminofilina) devem ser utilizadas imediatamente.
A fim de se evitar reações indesejáveis, a aplicação intravenosa deve ser efetuada lentamente (3 a 5 minutos). A injeção intramuscular deve ser aplicada na região glútea, profundamente.
SUPERDOSAGEM
Descontinuar o uso do medicamento imediatamente em caso de superdosagem.
Medicação emética e lavagem gástrica podem ser usadas. Monitorizar o paciente para evitar hipotensão e desidratação.
PACIENTES IDOSOS
O produto pode ser utilizado por pacientes com idade acima de 65 anos desde use se observe as precauções necessárias.
VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA
Lote, fabricação e validade - Vide Embalagem
MS - 1.0270.0001
Farmacêutico Responsável:
Dr. Celso C. Hojaij - CRF-SP ­ 15.815

Fabricante :

Ariston Indústrias Químicas e Farmacêuticas Ltda.

Rua Adherbal Stresser, 84, Jardim Arpoador, São Paulo - SP, 05566-000

TEL.: (11) 3783-8000

Medicamanetos do mesmo fabricante :

Alcaten, Amicilon, Arifenicol, Ariproxina, Benzatron, Beplexaron, Cefariston, Cefaxon, Cefoxitina_10_g, Cilinon, Complexo_b, Dalivit, Dkaflan, Dnaren, Dorpinon, Dorscopena, Fentetramin, Ferrotron, Furosetron, Losartan-hidroclorotiazida-losarerin, Losartan-labochem, Losartan-losarerin, Minoton, Oprazon


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.

Emagrecimento e Aumento de Massa Muscular