Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Migrane - Bula

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípio ativo : tartarato de ergotamina

Apresentação : Cartucho contendo 4, 12, 20 e 120 comprimidos tamponados.

Indicação : Tratamento das cefaleias de origem vascular, sobretudo enxaquecas.

Efeito Colateral :

Ergotamina: náuseas, vômitos, cefaleia, sede, prurido, pulso fraco, dormncia e tremor de extremidades, confusão, insônia e inconsciência. Ergotismo crônico pode resultar de superdosagem terapêutica, especialmente se administrado a pacientes após infecção grave, tais como, febre puerperal, e a pacientes com doença hepática ou hipertireoidismo. distúrbios circulatérios devido à vasoconstrição e formação de trombos são comumente os primeiros sintomas a aparecer, incluindo dor muscular severa e estase vascular, resultando gangrena perifrica seca. Dor anginosa, taqui ou bradicardia e hipotensão ou hipertensão podem ocorrer. Outros sintomas são tonteiras e fraqueza das pernas, miose. Sintomas neurológicos incluem hemiplegia e convulsão. Cafena: os efeitos colaterais da cafena incluem náusea, cefaleia e insônia. Doses excessivas podem determinar agitação, excitação, tremor muscular, zumbido, taquicardia. ácido acetilsalicílico: sintomas como náusea, gastralgia e distúrbios gastrintestinais podem ocorrer em toda medicação que contenha o ácido acetilsalicílico. Tem sido relatada a Ocorrência de sangramento gastrintestinal com ou sem ulceração, assim como de erupções cutâneas com o uso do ácido acetilsalicílico. Pode ocorrer irritação da mucosa gástrica mesmo com baixas doses. Pode ocorrer hipersensibilidade, manifestada principalmente como asma, o aparecimento de reações cutâneas, urticária e rash cutâneo. Homatropina: os efeitos dos agentes anticolinrgicos incluem secura da boca com dificuldade de salivação, sede, dilatação das pupilas com perda da acomodação e fotofobia, aumento da pressão intra-ocular, vermelhidão e secura da pele, bradicardia transitéria seguida de taquicardia com palpitações e arritmias, e vontade de urinar com dificuldade para tal, assim como redução no tnus e motilidade gastrintestinal determinando constipação. Ocasionalmente vômitos, vertigens e tonteiras podem ocorrer.

Modo de Usar :

1 a 2 comprimidos, 3 ou mais vezes ao dia. No tratamento abortivo da crise de enxaqueca, tomar 2 comprimidos nos primeiros sinais de crise. Não havendo suficiente melhora, administrar mais 2 comprimidos de 30 em 30 minutos até a dose máxima de 6 comprimidos nas 24 horas. Uma vez individualizada a dose til, tomá-la nas crises posteriores de uma s vez. - Superdosagem: o tratamento consiste na eliminação de Migrane através de medidas apropriadas (mese e lavagem gástrica) e condutas sintomáticas (manutenção de ventilação pulmonar adequada, controle das convulsões, tratamento de choque).

Contra indicação :

Afecções vasculares obliterantes, insuficiência coronariana, hipertensão arterial, insuficiência hepática severa, nefropatias e síndrome de Raynauld. Dispepsias ou, sabidamente portadores de alguma lesão da mucosa gástrica. Durante a gravidez e lactação só deverá ser empregado em casos de absoluta necessidade e sob orientação médica. No caso particular do ácido acetilsalicílico, que devido a Vários mecanismos prolonga o tempo de sangramento, a sua utilização É contra-indicada em grávidas no fim da gestação, bem como em hemofólicos.

Precauções :

Os anticoagulantes podem acentuar o efeito hemorrágico do Ácido acetilsalicílico sobre a mucosa gástrica. Migrane não é indicado para o uso profiltico, pois, em alguns casos, pode aumentar as náuseas e os vômitos nas crises de enxaqueca antes de proporcionar o alívio dos mesmos. Durante a lactação os riscos do tratamento deverão ser avaliados em relação aos benefícios, pois os alcalóides do Ergot inibem a lactação e podem causar ergotismo no neonato. Interações Medicamentosas:: o Ácido acetilsalicílico apresenta interação medicamentosa com as seguintes drogas: acetazolamida, anticoagulantes orais, hipoglicemiantes, metotrexato e probenecida. Vasoconstritores, inclusive os presentes em alguns anestásicos locais ou vasopressores podem produzir isquemia vascular perifrica, o mesmo pode ocorrer com a nicotina aos fumantes inveterados.

Fórmula :

Cada comprimido contém: tartarato de ergotamina 1 mg; metilbrometo de homatropina 1,2 mg; Ácido acetilsalicílico 350 mg; cafena 100 mg; aminoacetato de alumínio 48,7 mg; carbonato de magnésio 107,5 mg. Excipiente q.s.p. 1 comprimido.

Fabricante :

Novaquímica Natures Plus

Rod. SP 101, Km. 08
Hortolândia/SP - CEP: 13186481
Tel: (19 )887-1209
Fax: (19 )887-2242

Medicamentos do mesmo fabricante :

Cenalfan, Daforin, Deposteron, Dialudon, Diazepan nq, Digecap, Doxal, Dozeneurin 5000, E-radicaps, Fosfocaps, Levordiol, Megestran, Mesmerin, Migrane, Mucotoss, Neurolil, Novazepam, Repovit, Somalgin, Sonebon


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.

Emagrecimento e Aumento de Massa Muscular