Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Inderal - Solução injetável

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípio ativo : Propranolol

Classe terapêutica : de beta bloqueadores. Isto significa que tem um efeito em muitas partes do organismo, incluindo no coração.

Apresentação : 1 mg de cloridrato em 1 ml - Solução injetável

Indicações:

Inderal injetável é utilizado apenas para emergências, para ajudar a assegurar que o coração bate regularmente e é utilizado para tratar condições associadas à glndula tiráide quando esta produz excesso de hormona tiráideia.

Inderal injetável pode ser igualmente utilizado em crianças, para ajudar a assegurar que o coração bate regularmente e para tratar certas perturbações cardíacas e da tiráide.

Classe terapêutica : Não seletivos cardíacos.

ANTES DE UTILIZAR INDERAL injetável:
Não utilize Inderal injetável

Inderal injetável não deve ser administrado se existir uma história de asma brônquica ou broncospasmo.

Antes de lhe ser administrado Inderal injetável, deve informar o seu médico:

Tome especial cuidado com Inderal injetável

Antes de administrar Inderal injetável, informe o seu médico:

Inderal injetável pode, por vezes, alterar a resposta normal do seu corpo insulina. Inderal injetável pode também modificar a sua resposta normal a baixas concentrações sanguíneas de açúcar. Sintomas de aumento do batimento cardíaco, provocados por baixas concentrações sanguíneas de açúcar, poderão ser reduzidos pelo Inderal injetável. Raramente as concentrações de açúcar descem a níveis que possam provocar convulsões ou coma. Se diabético, Inderal injetável pode alterar a sua resposta insulina ou a outros medicamentos antidiabéticos. Pode também modificar a sua resposta normal a baixas concentrações sanguíneas de açúcar, o que normalmente envolve um aumento da frequência cardíaca.

Inderal injetável pode, por vezes, causar baixas concentrações sanguíneas de açúcar mesmo em doentes que não sejam diabéticos como, por exemplo, em recêm-nascidos, crianças, idosos, doentes sob hemodilise ou que sofram de doença crônica do fgado ou tenham sofrido sobredosagem.

Gravidez e aleitamento:

Antes de iniciar o tratamento com Inderal injetável, informe o seu médico se está grávida, pensa engravidar ou amamenta.

Condução de veículos e utilização de máquinas:

pouco provável que a sua injecção afecte a sua capacidade de conduzir veículos ou operar máquinas. No entanto, alguns doentes podem experimentar ocasionalmente tonturas e fadiga durante o tratamento com Inderal injetável e não deve conduzir ou operar máquinas se sentir estes efeitos.

Ao tomar Inderal injetável com outros medicamentos:

Informe o seu médico se está a tomar outros medicamentos, incluindo medicamentos base de plantas, produtos naturais ou suplementos alimentares, medicamentos que tenha comprado sem receita médica ou medicamentos utilizados há algum tempo. Alguns medicamentos podem afectar a ação de outros medicamentos. Em particular, deve informar o seu médico:- Se estiver a tomar disopiramida, quinidina, propafenona ou amiodarona (para tratamento das irregularidades do batimento do coração). -Se estiver a fazer tratamento para a pressão arterial elevada (hipertensão) ou angina (em especial, verapamil, diltiazem, clonidina, nifedipina, nisoldipina, nicardipina, isradipina, lacidipina, hidralazina).

Deve também informar o seu médico se está a tomar descongestionantes nasais ou outros medicamentos para a constipação que tenha comprado na farmcia.

Modo de Usar :

INDERAL injetável

O seu médico decidirá sobre a necessidade de lhe ser administrado Inderal injetável bem como a dose adequada.

A solução injetável de Inderal irá ser administrada numa veia (via intravenosa). A injecção é normalmente dada em situações de emergência. Em algumas circunstâncias, poderá continuar a receber Inderal em cápsulas ou comprimidos.

Se tiver a impressão de que o efeito de Inderal injetável é demasiado forte ou demasiado fraco, fale com o seu médico ou enfermeira.

Se utilizar mais Inderal injetável do que deveria

Caso lhe tenha sido administrada uma dose mais elevada do que deveria, deve contactar um médico ou enfermeira de imediato.

Efeitos secundários POSSVEIS

Como todos os medicamentos, Inderal injetável pode causar efeitos secundários, no entanto estes não se manifestam em todas as pessoas. Não fique alarmado com a lista de possveis efeitos secundários. Uma vez que a solução injetável lhe foi administrada durante um curto perãodo de tempo (para uma emergência), pode não experimentar nenhum destes efeitos:

Efeitos secundários frequentes que podem ocorrer (em 1% ou mais de doentes mas em menos de 10%; entre 1 em 10 doentes e 1 em 100 doentes): -dedos e extremidades frias -redução do batimento cardíaco

Efeitos secundários pouco frequentes que podem ocorrer (em 0,1% ou mais de doentes mas em menos de 1%; entre 1 em 100 doentes e 1 em 1.000 doentes):

Efeitos secundários raros que podem ocorrer (em 0,01% ou mais de doentes e em menos de 0,1%; entre 1 em 1.000 doentes e 1 em 10.000 doentes): -dificuldade respiratéria, se sofre ou sofreu de asma

Efeitos secundários muito raros que podem ocorrer (em menos de 0,01% doentes; menos de 1 em 10.000 doentes): -fraqueza muscular grave (miastenia gravis)

Pode ocorrer diminuição da concentração sanguínea de açúcar em doentes diabéticos e não diabéticos, incluindo recêm-nascidos, crianças, idosos, doentes em hemodilise ou doentes a fazer medicação antidiabtica. Podem ocorrer situações semelhantes em jejum ou em doentes que sofram de doença crônica do fgado.

Poderão ocorrer alterações sanguíneas. É possível que, ocasionalmente, o seu médico lhe pea para realizar análises sanguíneas para verificar se o Inderal injetável tem tido algum efeito no seu sangue.

Deverá informar o seu médico se sentir alguns destes sintomas ou qualquer sintoma não habitual ou não esperado e que não esteja descrito nesta bula.

COMO CONSERVAR INDERAL injetável

Manter fora do alcance e da vista das crianças. Não conservar acima de 30ºC. Proteger da luz.

Não utilize Inderal injetável após expirar o prazo de validade indicado na embalagem exterior. O prazo de validade corresponde ao últim dia do mês indicado. Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar o Inderal injetável de que já não necessita. Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.

Outras Informações
Qual a composição de Inderal

A substância ativa é o propranolol. Cada ampola de Inderal contém 1 mg de cloridrato de propranolol em 1 ml. Os outros componentes são: ácido cítrico e água para preparações injetáveis.

Qual o aspecto de Inderal injetável e conteúdo da embalagem

Inderal injetável apresenta-se sob a forma solução injetável em embalagens de 10 ampolas.

Fabricante :

AstraZeneca do Brasil

Rodovia Raposo Tavares
km 26,9 - Cotia - SP
CEP 06707-000

Medicamentos do mesmo fabricante :

Assieme Turbohaler Budesonida, Assieme Turbohaler, Atacand hct, Atacand 32 mg candesartan, Atacand, Bambec, Casodex-150, Diprivan, Emla Creme, Emla Penso, Enfluthane, Entocort, Faslodex, Fluothane, Foscavir, Fulcin, Hytacand 16, Hytacand, Imdur, Inderal-capsulas, Inderal la, Inderal-solucao, Isothane, Lisinopril, Losec, Muse, Mysoline, Naropin, Omeprazol, Periochip, Propofol, Seloken, Selopress, Selozok, Splendil, Suprane, Syscor ap, Zoladex la, Zomig Nasal, Zomig Rapimelt