/gretalvite-benzocaina-foliculina-retinol-
Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Gynera - composição

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípio ativo : Etinilestradiol + Gestodeno

Classe terapêutica : Hormonas e medicamentos usados no tratamento dasdoenças endócrinas. Hormonas sexuais, Estrognios e progestagénios, Anticoncepcionais.

Apresentação : 0,03 mg + 0,075 mg, comprimido revestido

Indicações:

Gynera apresenta-se sob a forma de comprimido revestido.

Gynera é utilizado para prevenir a gravidez.

Gynera é um contraceptivo oral combinado ("a Pílula combinada"). Cada comprimido contémuma pequena quantidade de duas hormonas femininas diferentes. Estas são o gestodeno (umprogestagénio) e o etinilestradiol (um estrognio). devido à pequena quantidade de hormonas,
Gynera É considerado um contraceptivo oral de baixa dosagem. Como todos os comprimidosda embalagem tém combinadas as mesmas hormonas na mesma dosagem, É considerado umcontraceptivo oral monofísico combinado.

A Pílula combinada pode também ter benefícios não contraceptivos para a Saúde.

A sua menstruação pode ser mais ligeira e curta. Como resultado, o risco de anemia pode sermenor. As suas dores menstruais podem-se tornar menos fortes ou podem desaparecercompletamente.

Além disso, algumas perturbações graves tém sido relatadas como menos frequentes emutilizadoras de Pílulas contendo 50 microgramas de etinilestradiol ("Pílulas de elevadadosagem"). é o caso de doenças benignas da mama, quistos dos oVários, infecções Pólvicas

(doenças inflamatórias Pólvicas ou DIP), gravidez ectópica (gravidez na qual o embrio seimplanta fora do étero) e cancro do endométrio (interior do étero) e dos oVários. Isto podetambm aplicar-se a Pílulas de baixa dosagem mas apenas foi confirmado para os cancros doendométrio e do ovrio.

ANTES DE UTILIZAR GYNERA

Quando não deve ser utilizado Gynera?

Não utilize a Pílula combinada se tem alguma das situações abaixo indicadas. Se algumadestas se aplicar a si, informe o seu médico antes de comear a tomar Gynera. O seu médicopode aconselhá-la a usar um tipo de Pílula diferente ou um outro método contraceptivo (nãohormonal) totalmente diferente.

- Se tem, ou teve alguma vez uma perturbação que afecte a circulação sanguínea: emparticular, situações relacionadas com trombose (formação de um cogulo sanguíneo) nosvasos sanguíneos das pernas (trombose venosa profunda), dos pulmães (embolia pulmonar),do coração (ataque cardíaco), ou de outras partes do corpo (veja também a secção "A Pílula ea trombose").
- Se tem ou teve um acidente vascular cerebral (causado por um cogulo sanguíneo ou porruptura de um vaso sanguíneo no crebro).
- Se tem ou teve uma situação que possa ser um primeiro sinal de ataque cardíaco (tal comoangina de peito ou dor no peito) ou acidente vascular cerebral (tal como acidente isquêmicotransitório ou um pequeno acidente vascular cerebral reversível).
- Se tem antecedentes de enxaqueca acompanhada de, por ex., alterações visuais, alteração dafala ou fraqueza ou dormncia em qualquer parte do seu corpo.
- Se tem diabetes mellitus com deterioração de vasos sanguíneos.
- Se tem ou teve pancreatite (uma inflamação do Póncreas) associada a níveis elevados desubstâncias gordas no sangue.
- Se tem icterícia (amarelecimento da pele) ou doença grave do fgado.
- Se tem ou teve um cancro que pode aumentar por influência de hormonas sexuais (por ex. damama ou dos rgos genitais).
- Se tem ou teve um cancro benigno ou maligno do fgado.
- Se tem qualquer hemorragia vaginal de causa desconhecida.
- Se está ou pensa que pode estar grávida.
- se é hipersensível (alérgica) ao etinilestradiol, ao gestodeno ou a qualquer outro componentede Gynera.

Se alguma destas situações aparecer pela primeira vez enquanto estiver a tomar a Pílula, parede tomar e consulte o seu médico. Entretanto, use medidas contraceptivas não hormonais.
Veja também "Notas gerais" na secção seguinte.

O que necessita saber antes de iniciar a toma de Gynera?

Notas gerais

Nesta bula, estáo descritas vrias situações em que deve parar de tomar a Pílula, ou em quea eficácia da Pílula pode estar diminuída. Nessas situações não deve ter relações sexuais ou

deve utilizar medidas contraceptivas não hormonais adicionais, como por exemplo usar umpreservativo ou outro método de barreira. Não utilize os métodos de ritmo ou de temperatura.
Estes métodos podem ser falveis porque a Pílula altera as mudanças normais de temperatura edo muco cervical que ocorrem durante o ciclo menstrual.

Gynera, tal como todas as Pílulas contraceptivas, não protege contra a infecção pelo VIH
(SIDA) ou qualquer outra doença sexualmente transmissível.

Antes de utilizar Gynera

Se a Pílula combinada for utilizada na presença de alguma das situações abaixo listadas,poderá necessitar de ser sujeita a observação atenta. O seu médico pode explicar-lhe melhor.
Assim, se alguma destas situações se lhe aplicar, informe o seu médico antes de iniciar autilização de Gynera.

- se fuma;
- se tem diabetes;
- se tem excesso de peso;
- se tem tensão arterial elevada;
- se tem uma alteração das vlvulas cardíacas ou uma determinada perturbação do ritmocardíaco;
- se tem uma inflamação das suas veias (flebite superficial);
- se tem veias varicosas;
- se algum dos seus parentes próximos teve uma trombose, ataque cardíaco ou acidentevascular cerebral;
- se sofre de enxaquecas;
- se sofre de epilepsia;
- se tem ou se algum dos seus parentes próximos tem ou teve níveis sanguíneos elevados decolesterol ou triglicridos (substâncias gordas);
- se algum dos seus parentes próximos teve cancro da mama;
- se tem doença do fgado ou da vescula biliar;
- se tem Doença de Crohn ou colite ulcerosa (doença crônica inflamatéria do intestino);
- se tem lpus eritematoso sistémico (LES; uma doença que afecta a pele de todo o corpo);
- se tem síndrome urmico hemoltico (SUH; uma perturbação da coagulação sanguínea quecausa falência dos rins);
- se tem anemia das células falciformes;
- se tem alguma situação que tenha ocorrido pela primeira vez ou piorado durante a gravidezou com uma utilização anterior de hormonas sexuais (por ex. perda de audição, uma doençametabólica designada porfiria, uma doença de pele designada herpes gestacional, uma doençaneurológica designada coreia de Sydenham);
- se tem ou teve cloasma (manchas de pigmentação amarelo-acastanhadas na pele, emparticular no rosto); se teve, deve evitar a exposição excessiva ao sol ou radiaçãoultravioleta;
- se tem angioedema hereditério, o uso de estrognios exgenos pode induzir ou exacerbarsintomas de angioedema. Deverá imediatamente contactar o seu médico se apresentarsintomas de angioedema tais como inchao do rosto, lngua e/ou faringe e/ou dificuldade emengolir ou urticária juntamente com dificuldade em respirar.

Se alguma destas situações lhe aparecer pela primeira vez, reaparecer ou piorar enquantotoma a Pílula, deve contactar o seu médico.

A Pílula e a trombose

Trombose é a formação de um cogulo sanguíneo que pode bloquear um vaso sanguíneo.

Uma trombose por vezes ocorre nas veias profundas das pernas (trombose venosa profunda).
Se o cogulo sanguíneo se libertar das veias onde formado, pode atingir e bloquear asartrias dos pulmães, causando a chamada "embolia pulmonar". A trombose venosa profunda
é uma Ocorrência rara. O risco de tromboembolismo venoso maior durante o primeiro anoem que uma mulher utiliza uma Pílula.

O tromboembolismo venoso pode desenvolver-se quer esteja ou não a tomar a Pílula. Podetambm ocorrer durante a gravidez. O risco é maior em mulheres que utilizam a Pílula do quenaquelas que não utilizam, mas o risco não to elevado como durante a gravidez.

Muito raramente, os cogulos sanguíneos também podem ocorrer nos vasos sanguíneos docoração (causando um ataque cardíaco) ou do crebro (causando um acidente vascularcerebral). Extremamente raros, os cogulos sanguíneos podem ocorrer no fgado, intestino,rim ou olho.

Muito ocasionalmente, a trombose pode causar incapacidade permanente grave ou podemesmo ser fatal.

O risco de sofrer um ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral aumenta com a idade.
Tambm aumenta quanto mais fumar. Quando toma a Pílula deve deixar de fumar,especialmente se tem mais de 35 anos de idade.

Se desenvolver uma tensão arterial elevada enquanto utiliza a Pílula, poderá ser aconselhada aparar a sua utilização.

O risco de sofrer trombose venosa profunda está temporariamente aumentado como resultadode uma operação ou imobilização (por ex. se tem a perna ou pernas engessadas ou com talas).
Em mulheres que utilizam a Pílula o risco pode ser ainda maior. Informe o seu médico queestá a utilizar a Pílula com bastante antecedncia em relação a uma hospitalização ou cirurgiaesperada. O seu médico pode aconselhá-la a parar de tomar a Pílula algumas semanas antes dacirurgia ou durante a imobilização. O seu médico também a aconselharé a voltar a tomar aPílula quando recuperar.

Se notar possveis sinais de trombose, pare de tomar a Pílula e consulte o seu médicoimediatamente (veja também a secção "Quando deve contactar o seu médico?").

A Pílula e o cancro

O cancro da mama tem sido diagnosticado ligeiramente mais vezes em mulheres que tomam aPílula do que em mulheres da mesma idade que não a tomam. Este aumento ligeiro no nmerode cancros de mama diagnosticado desaparece gradualmente durante o perãodo de 10 anosdepois da interrupção da utilização da Pílula. Não se sabe se a diferena causada pela Pílula.

Pode dever-se ao facto de as mulheres terem sido examinadas mais frequentemente, fazendocom que o cancro da mama fosse detectado mais cedo.

Em casos raros, foram relatados tumores benignos do fgado, e ainda mais raramente, detumores malignos do fgado, em utilizadoras da Pílula. Estes tumores podem levar ahemorragias internas. Consulte imediatamente o seu médico se tiver dores fortes no abdômen.

O factor de risco mais importante para o cancro do colo do étero é a infecção persistente porpapiloma vrus humano. Alguns estudos tém indicado que a utilização prolongada da Pílulapoderá contribuir adicionalmente para este risco aumentado, mas continua a ser controverso ofacto desta extensão poder ser atribuda a outros factores, como por exemplo, rastreio do colodo étero e comportamento sexual, incluindo a utilização de contraceptivos de barreira.

Utilizar Gynera com outros medicamentos

Alguns medicamentos podem impedir a Pílula de ser eficaz. Estes incluem medicamentosutilizados para o tratamento da epilepsia (por ex. primidona, fenitona, barbitúricos,carbamazepina, oxcarbazepina, topiramato, felbamato); tuberculose (por ex. rifampicina,rifabutina) e infecção por VIH (por ex. ritonavir, nevirapina); antibióticos para outras doençasinfecciosas (por ex. penicilinas, tetraciclinas, griseofluvina); e produtos naturais como a Ervade são João ou hiperico (utilizada no tratamento de estados de depressão).

A Pílula pode também interferir com a ação de outros medicamentos, por ex. medicamentosque contenham ciclosporina ou o anti-epilptico lamotrigina.

Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos ou produtos naturais, incluindo medicamentos sem receita médica. Informetambm o seu médico ou dentista que lhe receitem outros medicamentos (ou o farmacêutico)que utiliza Gynera. Pode ser informada de que deve tomar medidas contraceptivas adicionaise por quanto tempo.

A Pílula e a gravidez

Gynera não deve ser usado por mulheres grávidas ou que pensem poder estar grávidas. Sesuspeita que está grávida enquanto utiliza Gynera, deve consultar o seu médico logo quepossível.

A Pílula e a amamentação

Gynera não geralmente recomendado durante a amamentação. Se desejar tomar a Pílulaenquanto está a amamentar, por favor procure o conselho do seu médico.

A Pílula e a capacidade de conduzir

Não foram observados efeitos de Gynera na capacidade de conduzir.

Informaçães importantes sobre alguns componentes de Gynera

Este medicamento contém lactose e sacarose. Se foi informado pelo seu médico que temintolerância a alguns açúcares, contacte-o antes de tomar este medicamento.

Quando deve contactar o seu médico?

Check-ups regulares
Quando estiver a utilizar a Pílula, o seu médico deve irá informar-lahe de que deve fazerexames regularmente.
Contacte o seu médico logo que possível se:
- nNotar alguma quaisquer alteraçõeso na sua Saúde, especialmente se envolverem algumadas situações referidas nesta bula (veja também "Quando não deve ser utilizado Gynera?" e
"O que precisa saber aAntes de utilizar Gynera?"; não se esquea das situações relacionadascom os seus parentes mais próximos);
- Sentir um inchao (caroo) no peito;
- está a utilizar outros medicamentos (veja também "A Pílula eUtilizar Gynera com os outros medicamentos");
- estiver para serestá imobilizada ou se vai tem de ser operada (consulte o seu médico pelomenos 4 semanas antes);
- Tem hemorragia vaginal pouco comum e, intensa;
- Esqueceu de tomar algum comprimidos durante a primeira semana da embalagem e teverelações sexuais nos sete 7 dias anteriores;
- Tem diarreia grave;
- Não tiver menstruação duas vezes seguidas ou suspeitar que pode estar grávida (não inicieuma nova embalagem seguinte antes de falar com o seu médico lhe dizer).

PPare de tomar os comprimidos e consulte imediatamente o seu médico se notar possveissinais de trombose, enfarte do miocárdio ou acidente vascular cerebral:

- Tosse pouco usual;
- Dor forte no peito que pode atingir o brao esquerdo;
-Falta de ar;
- Dor de cabeça ou enxaqueca forte, , pouco usual, forte ou prolongada;
- Perda parcial ou completa da visão ou visão dupla;
- Dificuldade ou atraso na fala;
- Alterações repentinasão da audição, do cheiro ou sabor;
- Tonturas e/ou desmaios;
- Fraqueza ou dormncia em alguma qualquer parte do corpo;
- Dor forte no abdômen;
- Dor forte ou inchao numa das pernas.

Estas As situações e sintomas são mencionados em cima são descritos e explicados com maisdetalhe nesta bula.

3. COMO UTILIZAR GYNERA

Os contraceptivos orais combinados, quando tomados correctamente, apresentam uma razode falência de aproximadamente 1% por ano. A razo de falência pode aumentar quando oscomprimidos são esquecidos ou tomados incorrectamente.

- Quando e como deve tomar os comprimidos?

A embalagem de Gynera tem 21 comprimidos revestidos. Na embalagem, cada comprimidoestá marcado com o dia da semana em que deve ser tomado. Tome o seu comprimido, mesma hora em cada dia, com um pouco de líquido se necessário. Siga a direcção das setas na embalagem, até terem sido tomados todos os 21 comprimidos. Durante os 7 dias seguintes,não tome comprimidos. A menstruação deve aparecer durante estes 7 dias (hemorragia deprivação). Normalmente aparece aos 2-3 dias depois do últim comprimido de Gynera.
Comece a embalagem seguinte ao 8 dia, mesmo que a menstruação continue. Isto significaque vai iniciar novas embalagens sempre no mesmo dia da semana, e que vai ter a suamenstruação sempre nos mesmos dias, em cada mês.

- Iniciar Gynera pela primeira vez

Quando não foi utilizado qualquer contraceptivo hormonal no mês anterior

Comece a tomar Gynera no primeiro dia do seu ciclo, isto , no primeiro dia da menstruação.
Tome o comprimido marcado com esse dia da semana. Por exemplo, se o seu perãodoaparecer a uma Sexta-feira, tome o comprimido marcado com Sexta-feira. Depois v seguindoos dias por ordem. Gynera protege contra a gravidez desde o incio, não sendo necessária autilização de método contraceptivo adicional.

Pode também comear no 2-5 dia do ciclo, mas neste caso utilize um método contraceptivoadicional (método de barreira) durante os primeiros 7 dias da toma de comprimidos durante oprimeiro ciclo.

Quando muda de uma outra Pílula combinada, anel vaginal ou sistema (contraceptivo)transdrmico

Pode comear a tomar Gynera no dia seguinte toma do últim comprimido da embalagemda sua Pílula anterior (isto significa que não há intervalo sem toma de comprimidos). Se aembalagem da sua Pílula anterior também continha comprimidos não activos, deve iniciar atoma de Gynera no dia seguinte toma do últim comprimido activo (se não tem a certeza,pergunte ao seu médico ou farmacêutico). Pode também iniciar a toma mais tarde, mas nuncadepois do dia após o intervalo sem toma de comprimidos da sua Pílula anterior (ou do diadepois do últim comprimido não activo da sua Pílula anterior). No caso de ter sido utilizadoum anel vaginal ou sistema transdrmico, Deverá comear a utilizar Gynera preferencialmenteno dia da remoção, mas no máximo quando a aplicação seguinte deveria ter sido aplicada. Seseguir estas instruções, Não é necessário utilizar um método contraceptivo adicional.

Quando muda de uma Pílula sÉ com progestagénio (mini-Pílula)

Pode parar de tomar a mini-Pílula em qualquer dia e comear a tomar Gynera no dia seguinte,
mesma hora. Todavia, Deverá também ter a certeza em utilizar um método contraceptivoadicional (um método barreira) se tiver relações sexuais nos primeiros 7 dias de toma decomprimidos.

Quando muda de um injetável, um implante ou um dispositivo intra-uterino (DIU) delibertação de progestagénio

Comece a tomar Gynera no dia em que a injecção iria ser aplicada ou no dia em que oimplante ou DIU for removido. Todavia, Deverá também ter a certeza em utilizar um métodocontraceptivo adicional (um método barreira) se tiver relações sexuais nos primeiros 7 dias detoma de comprimidos.

Após o parto

Se teve um beb, o seu médico poderá aconselhá-la a aguardar uma primeira menstruaçãoantes de iniciar a toma de Gynera. Por vezes, É possível iniciar antes. O seu médico poderáaconselhar-lhe. Se está a amamentar e pretende tomar Gynera, deve consultar primeiro o seumédico.

Após um aborto

O seu médico poderá aconselhar-lhe.

Se tomar mais comprimidos de Gynera do que deveria (sobredosagem)

Não foram reportados efeitos nocivos graves da toma em excesso de comprimidos de Gynerade uma s vez. Se tomou Vários comprimidos ao mesmo tempo, pode sentir náuseas, vômitosou hemorragia vaginal. Se se aperceber que uma criança está a tomar Gynera, consulte o seumédico.

Quando quer parar de tomar Gynera

Pode parar de tomar Gynera em qualquer altura que deseje. Se parar de tomar Gynera porquequer engravidar, geralmente recomendado que espere até ter tido um perãodo natural antesde tentar engravidar. Ser capaz de calcular a data esperada de parto mais facilmente.

Se não pretender engravidar, consulte o seu médico acerca de outros métodos contraceptivos.

O QUE FAZER SE……..

…esqueceru comprimidos

- ?Se estiver menos de 12 horas atrasada na toma do comprimido, a fiabilidade da Pílula mantidaa mesma. Tome o comprimido logo que se lembre e tome os comprimidos seguintes hora habitual.

- ?Se estiver mais de 12 horas atrasada na toma de qualquer comprimido, a fiabilidade daPílula pode estar reduzida. Quantos mais comprimidos seguidos tiver esquecido, mais elevado
é o risco do efeitoa eficácia contraceptivao estar diminuídoa. Existe um risco particularmenteelevado em engravidar se esquecer de tomar os comprimidos do incio ou do fim daembalagem. Assim, Deverá seguir as regras abaixo descritas (veja também o diagramaseguinteabaixo).

Mais de 1 comprimido esquecido numa embalagem
Pea conselho ao seu médico.

1 comprimido esquecido na semana 1
Tome o comprimido esquecido logo que se lembre (mesmo que isto signifique tomar doiscomprimidos ao mesmo tempo) e tome os comprimidos seguintes hora habitual. Tomeprecauções contraceptivas adicionais (método de barreira) durante os 7 dias seguintes.
Se teve relações sexuais na semana anterior e tiver esquecido ao esquecimento docomprimido, há uma possibilidade de engravidar. Por isso informe imediatamente o seumédico.
1 comprimido esquecido na semana 2
Tome o comprimido esquecido logo que se lembre (mesmo que isso signifique tomar doiscomprimidos ao mesmo tempo) e tome os comprimidos seguintes hora habitual. Afiabilidade da Pílula mantida. Não necessita de tomar precauções contraceptivas adicionais.

1 comprimido esquecido na semana 3
Pode escolher uma das seguintes opções, sem necessidade de precauções contraceptivasadicionais:
1. Tome o comprimido esquecido logo que se lembre (mesmo que isto signifique tomar doiscomprimidos ao mesmo tempo) e tome os comprimidos seguintes hora habitual. Comece aembalagem seguinte logo que a embalagem Atual terminar de modo a que não haja intervaloentre as embalagens. Pode não ter menstruação até ao final da segunda embalagem, maspoderá e ter hemorragias irregularesspotting ou hemorragia de disrupção durante os dias emque toma os comprimidos.

Ou

2. Pare de tomar os comprimidos da sua embalagem Atual, faa um intervalo de 7 dias oumenos sem tomar de comprimidos de 7 dias ou menos (conte também o dia em que esqueceuo comprimido) e continue com a embalagem seguinte. Se seguir este método, pode semprecomear a embalagem seguinte no dia da semana em que habitualmente o faz.

- ?Se se esqueceu de comprimidos numa embalagem e não teve tiver a menstruação esperadano primeiro intervalo habitual sem toma de comprimidosperãodo livre seguinte, pode estargrávida. Consulte o seu médico antes de iniciar a embalagem seguinte.

mais de 1 comprimido
pergunte ao seu médico
esquecido num ciclo
sim
semana 1
teve relações sexuais na semana anterior aoesquecimento
não
tome o comprimido esquecido

tome precauções contraceptivas adicionais
durante 7 dias e

Acabe a embalagem

apenas 1 comprimido
(mais de 12 h de

Atraso)
semana 2
tome o comprimido esquecido

acabe a embalagem

tome o comprimido esquecido

acabe a embalagem
não faa intervalo sem toma de comprimidos
continue com a embalagem seguinte

semana 3
ou

pare a embalagem Atual

faa um intervalo sem toma de comprimidos
(não mais de 7 dias incluindo comprimidos
esquecidos)continue com a embalagem seguinte

O QUE FAZER SE……

tiver alterações perturbações gastrointestinais graves (por ex. vômitos, ou diarreia grave)
Se vomitar ou tiver diarreia grave, os componentes activos do comprimido de Gynera podemnão ter sido completamente absorvidos. Se vomitar nas 3 a 4 horas após tomar o comprimido,
É como se esquecesse de tomar um comprimido. Assim, siga os conselhos dados para oesquecimento de comprimidos. Se tiver diarreia grave, por favor, consulte o seu médico.

quiser atrasar a sua menstruação
Pode atrasar a sua menstruação se comear a seguinte embalagem de Gynera imediatamenteapós ter terminado a embalagem Atual. Pode continuar esta embalagem por quanto tempodesejar, até a acabar. Quando quiser ter a sua menstruação, pare de tomar comprimidos.
Enquanto estiver a tomar a segunda embalagem pode ter hemorragias irregulares de disrupçãoou spotting nos dias de toma de comprimidos. Comece a embalagem seguinte após osintervalo habitual deis 7 dias de intervalosem toma de comprimidos.

quiser alterar o dia de incio da sua menstruação
Se tomar os comprimidos como explicado, teré a sua menstruação aproximadamente nomesmo dia de 4 em 4 semanas. Se quiser alterar o dia, limite-se a encurtar (nunca prolongar) ointervalo seguinte entre embalagens. Por exemplo, se a sua menstruação comea

habitualmente numa Ssexta-feira e no futuro deseja que comece na Ttera-feira (3 dias maiscedo) Deverá comear a embalagem seguinte 3 dias mais cedo que o habitual. Se tornar ointervalo sem toma de comprimidos entre embalagens muito curto (por exemplo, 3 dias oumenos), poderá não ter menstruação durante o intervalo. poderá ter hemorragia de disrupçãoou spottinghemorragias irregulares durante o usoa utilização da embalagem seguinte.

tem hemorragias inesperadas
Com todas as Pílulas, durante os primeiros meses, pode ter hemorragia vaginal irregular
(spotting ou hemorragia de disrupção) entre as menstruações (hemorragias irregulares). Podenecessitar de utilizar pensos ou tamPóes, mas continue a tomar os seus comprimidos comohabitualmente. As Uma hemorragias vaginal irregulares geralmente param Póra quando o seucorpo se adaptou Pílula (geralmente após 3 ciclos a de toma der comprimidos). Se ahemorragia continuarem, se forem se tornar mais intensas ou recomearem, informe o seumédico.

falhou uma menstruação
Se tomou todos os seus comprimidos na altura certa, e não vomitou, não teve diarreia grave,nem tomou outros medicamentos, então muito improvável que esteja grávida. Continue atomar Gynera como habitualmente.
Se lhe faltar a menstruação duas vezes seguidas, pode estar grávida. Informe o seu médicoimediatamente. Não comece a embalagem seguinte de Gynera até o seu médico se certificarque não está grávida.

4. Efeitos secundários POSSVEIS

Como todos os medicamentos, Gynera pode causar efeitos secundários, no entanto estes nãose manifestam em todas as pessoas.

Informe o seu médico se notar algum efeito indesejável, especialmente se for grave oupersistente, ou se houver uma alteração no seu estado de Saúde que pense poder ser causadapela Pílula.

Efeitos secundários graves

reações graves associadas à utilização da Pílula, bem como os sintomas associados, estáodescritas nas seguintes secções: "A Pílula e a trombose"/"A Pílula e o cancro". Por favor leiaestas secções para informação adicional e consulte o seu médico, quando tiver dúvidas.

Outros efeitos secundários possveis

Os seguintes efeitos secundários tém sido descritos por utilizadoras da Pílula, apesar de nãoserem necessariamente causados pela Pílula. Estes efeitos secundários podem ocorrer nosprimeiros meses que está a utilizar a Pílula e geralmente diminuem com o tempo.

Classes de sistemas Efeitos indesejáveis
Efeitos indesejáveis
Efeitos indesejáveis
de rgos
frequentes (? 1/100)
pouco frequentes (?
raros (< 1/1000)
1/1000 e < 1/100)

Afecções oculares

intolerância s lentes decontacto
Doenças
náuseas, dor abdominal vômitos, diarreia

gastrointestinais
Doenças do sistema hipersensibilidadeimunitério
Exames
aumento de peso

diminuição do peso
complementares dediagnóstico
Doenças do

retenção de líquidos

metabolismo e danutrição
Doenças do sistema dor de cabeça
enxaqueca

nervoso
Perturbações do foro depressão de humor,
diminuição da libido
aumento da libido
psiquitrico
alteração de humor
Doenças do sistema dor na mama, tensão
hipertrofia da mama
corrimento vaginal,
reprodutor e da
mamria
corrimento mamrio
mama
Afecções dos tecidos rash,
urticária
eritema nodoso, eritema
cutâneos e
multiforme
subcutâneos

Se tem angioedema hereditério, o uso de estrognios exgenos pode induzir ou exacerbarsintomas de angioedema (veja também "Antes de utilizar Gynera").

5. COMO CONSERVAR GYNERA

Não conservar acima de 25ºC.

Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Não utilize Gynera após o prazo de validade impresso na embalagem exterior, após "VAL.".
O prazo de validade corresponde ao últim dia do mês indicado.

Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico. Pergunteao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita. Estas medidasirão ajudar a proteger o ambiente.

6. Outras informações

As substâncias ativas são etinilestradiol (0,03 mg) e gestodeno (0,075 mg).

Os outros componentes são lactose mono-hidratada, amido de milho, povidona 25000, edetatode sódio e cálcio, estearato de magnésio, sacarose, povidona 700000, macrogol 6000,carbonato de cálcio, talco, cera de montanglicol.

Qual o aspecto de Gynera e conteúdo da embalagem

Gynera apresenta-se em embalagem-calendrio de 21 comprimidos.

Os comprimidos de Gynera são biconvexos, redondos e com 5 mm de dimetro e estáoacondicionados em blister de filme transparente de PVC e folha de alumínio, comrevestimento para selagem a quente.

Fabricante :

Bayer S/A.

R. Domingos Jorge, 1100 - Socorro
São Paulo - SP, 04761-000
(11) 5694-5166
Parque Industrial de Belford Roxo - RJ
(21) 2189-0700
SAC: 0800 702 1241
Bayer HealthCare - Saúde Humana
Bayer Pharma (Produtos Farmacêuticos) 0800 7021241
Consumer Care (Medicamentos Isentos de Prescrição) 0800 7231010
Diabetes Care (Monitores de Glicose) 0800 7231010

Medicamentos do mesmo fabricante :

Advocate, Alka Seltzer, Androcur 50 mg, Androcur 100 mg, Androcur Depot, Ass Infantil, Becozyme, Canesten Creme, Diane 35 Ciproteronanto, Diane 35, Diastabol Miglitol, Elevit, Filipendula, Gino Canesten, Gynera, Luminal, Miranova, Mirena, Nifedipino, Primolut Nor, Redoxon, Xarelto, Yasmin, Yaz,

Talvéz isso possa lhê interessar :

Anvisa alerta para contraindicação da pílula Diane 35 em pacientes com risco de trombose.

Conheça os verdadeiros riscos da pílula Diane 35.

Ginecologista esclarece como funciona cada tipo de pílula anticoncepcional. Yasmin, Diane 35, Selene e outras.

Esclarecimentos do fabricante sobre Diane 35.

Proibição de Diane 35 na França levanta debate sobre o uso de contraceptivos


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.

Emagrecimento e Aumento de Massa Muscular