Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Excedrin - Bula

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípios ativos : Cafeína e Paracetamol.

Classe terapêutica : Analgésicos

Apresentação : Excedrin é apresentado em embalagens com 5 ou 50 blísters com 4 comprimidos revestidos.

Indicação : EXCEDRIN é indicado como Analgésico.
Para o alívio temporrio de dores de cabeça, sinusites, resfriados, dores musculares, célicas menstruais, dores de dente e dores artrticas de baixa intensidade.

Advertências

No caso de superdosagem acidental, procure a assistência de um médico, mesmo não havendo qualquer sinal ou sintoma.
Como com qualquer medicamento, o médico deve fornecer orientação adequada em caso de gravidez ou lactação antes de o paciente usar este produto.
Este produto não deve ser utilizado para dor por mais de 10 dias ou para febre por mais de 3 dias, a não ser a critério médico. Procure o médico se a dor ou a febre persistir ou piorar, ou se aparecer novos sintomas ou ocorrer vermelhidão ou edema; estes podem indicar sinais de uma situação grave.
Em caso de dor-de-dente, o dentista deve ser consultado .

Fórmula :

Cada comprimido de EXCEDRIN É contém 500 mg de paracetamol, 65 mg de cafena e os seguintes ingredientes inativos: amido de milho, celulose microcristalina, estearato de magnésio, suspensão de revestimento vermelho e cera de carnaba.

Modo de Usar :

Adultos: 2 comprimidos de 6 em 6 horas enquanto persistirem os sintomas ou a critério médico. Não ingerir mais de 8 comprimidos em 24 horas.
Crianças com menos de 12 anos de idade: a critério médico.

Superdosagem :

A acetilcisteína é o antídoto para superdosagem de paracetamol. O paracetamol rapidamente absorvido no trato gastrintestinal superior. Os picos plasmáticos ocorrem entre 30 e 60 minutos após doses terapêuticas, normalmente dentro de 4 horas após superdosagem. A substância original não tóxica metabolizada extensamente no fgado, formando principalmente os conjugados de sulfato e glicuronida, que também não são txicos e são excretados rapidamente na urina. Uma pequena fração da dose ingerida metabolizada no fgado pela função mista oxidase do citocromo P-450 para formar um metabólito intermediário reativo potencialmente txico, que se conjuga de pReferência com a glutationa hepática e forma derivados não-txicos de cisteína e ácido mercaptrico, excretados pelos rins. Doses terapêuticas de paracetamol não saturam o sistema de conjugação glicuronida/sulfato e não resultam na formação de metabólito reativo suficiente para depletar as reservas de glutationa . Entretanto, após a ingestão de altas doses (150 mg/kg ou mais), as vias de conjugação glicuronida/sulfato ficam saturadas resultando em grande fração de droga sendo metabolizada através da via do citocromo P-450. O aumento da formação de metabólitos reativos pode depletar as reservas hepáticas de glutationa, com subseqente ligação dos metabólitos a moléculas proticas dentro dos hepatécitos, resultando em necrose celular. A acetilcisteína demonstrou reduzir a extensão do dano ao fgado após superdosagem por paracetamol. Os sintomas iniciais de superdosagem potencialmente hepatotóxica podem incluir: náuseas, vômitos, diaforese e mal-estar geral. evidências clínicas e laboratoriais de toxicidade hepática podem não ser aparentes até 48 a 72 horas após ingestão. Em adultos e adolescentes, independentemente da quantidade de paracetamol ingerida, deve-se administrar acetilcisteína imediatamente. A terapia com a acetilcisteína deve ser iniciada e continuada por um ciclo completo de tratamento. Sua eficácia depende de quo precoce for a sua administração, com resultados benficos principalmente em pacientes tratados até 16 horas após a superdosagem. Se a dosagem plasmática de paracetamol não for acessvel e se a dose estimada de paracetamol ingerida exceder a 150 mg/kg, a terapia com a acetilcisteína deve ser iniciada e continuada por um ciclo completo de tratamento.
Não esperar pelos resultados das análises dos níveis de paracetamol para iniciar o tratamento com a acetilcisteína. Os seguintes procedimentos adicionais são recomendados: o estômago deve ser esvaziado imediatamente por lavagem ou indução de vômito com xarope de ipeca. O exame sorológico de paracetamol deve ser obtido o mais rpido possível, mas não antes das 4 horas seguintes da ingestão. Devem-se obter relatos sobre a função hepática no incio e em intervalos repetidos de 24 horas.

Fabricante :

Bristol Myers Squibb S.A.

Endereço: R. Verbo Divino, 1711 - Chacara Santo Antonio (Zona Sul), São Paulo - SP, 04719-002
Telefone:0800 727 6160


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.

Emagrecimento e Aumento de Massa Muscular