Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Diclofenaco sódico - Bula

Esta bula é meramente informativa destinada ao público em geral.

Princípio ativo : diclofenaco sódico

Classe terapêutica : Analgésicos

Apresentação : Embalagens contendo 10 cápsulas.

Fórmula :

Cada cápsula contém:
diclofenaco sódico ......................................... 100 mg
Excipientes: carmelose sódica, celulose microcristalina, citrato de trietila, trimiristina, copolímero de ácido metacrílico, lactose monoidratada, talco.

Indicação :

Diclofenaco sódico é indicado para tratar dor, inflamação e febre.

Diclofenaco sódico tem ação analgésica e anti-inflamatória, que se manifesta uma hora após a ingestão da cápsula, permanecendo por tempo prolongado.

Você não deve tomar diclofenaco sódico se:

PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

Contra Indicações e Cuidados :

4.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

conduzida antes do inicio de tratamento prolongado com diclofenaco sódico caso você apresente fatores de risco para doenças cardiovasculares, como pressão alta, diabetes, níveis sanguíneos elevados de colesterol e triglicerídeos ou se você for fumante. Como outros anti-inflamatórios, diclofenaco sódico pode, muito raramente, causar reações cutâneas alérgicas graves (ex.:vermelhidão na pele com ou sem descamação). Desta forma, avise seu médico imediatamente se você apresentar estas reações.

Uso em idosos, crianças e outros grupos de risco

Pacientes idosos são mais sensíveis à Ocorrência de efeitos colaterais com o uso de anti-inflamatórios. Por isto, devem seguir cuidadosamente as recomendações do médico e tomar a menor dose capaz de aliviar os sintomas, pelo menor tempo possível. Nos pacientes com doença do fígado ou rins de leve a moderada a dose inicial de medicamentos anti-inflamatórios deve ser reduzida. O diclofenaco sódico não deve ser utilizado por portadores de insuficiência hepática ou renal grave.

Diclofenaco sódico não é indicado para crianças abaixo de 14 anos, com exceção de casos de artrite juvenil crônica.

Gravidez e amamentação

Diclofenaco sódico não deve ser tomado durante o 1o e 2o trimestres da gravidez, a não ser que seja absolutamente necessário. Da mesma forma que outros anti-inflamatórios, diclofenaco sódico é contraindicado durante os últimos três meses de gravidez, porque pode causar danos ao feto ou problemas no parto. Diclofenaco sódico pode dificultar a mulher engravidar. Assim, se você está planejando ficar grávida ou se tem problemas para engravidar, evite utilizar diclofenaco sódico. Você não deve amamentar se tiver que tomar diclofenaco sódico, pois pode causar danos ao bebê.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista

Direção de veículos e operação de máquinas

O uso de diclofenaco sódico pode, ainda que raramente, provocar distúrbios de visão, tontura ou sonolência. Caso perceba algum destes efeitos, você não deve dirigir ou operar máquinas.

Interações com alimentos, bebidas e outros medicamentos

Alimentos não prejudicam a absorção do medicamento. Não ingerir o produto com bebidas alcoólicas. Antes de iniciar tratamento com diclofenaco sódico é importante informar seu médico se está fazendo uso de algum dos seguintes medicamentos.

5.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo. TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

Ingerir uma cápsula ao dia, sem mastigar, antes ou depois das refeições, com um pouco de água ou outro líquido. Seu médico irá determinar o tempo de uso, podendo modificar a posologia em função se sua resposta ao tratamento.
Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado.

Caso você se esqueça de tomar o medicamento no horário estabelecido pelo seu médico, tome-o assim que lembrar. Entretanto, se já estiver perto do horário da próxima dose, pule a dose esquecida e tome a próxima, continuando normalmente o esquema de doses recomendado pelo seu médico. Neste caso, não tome o medicamento em dobro para compensar doses esquecidas.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião- dentista.

Como todos os medicamentos, diclofenaco sódico pode causar algumas reações desagradáveis; no entanto, estas não ocorrem em todas as pessoas. Caso você tenha uma reação alérgica, deve parar de tomar o medicamento. Podem ocorrer as seguintes reações desagradáveis descritas a seguir:

Reações raras (ocorrem entre 0,01% e 0,1% dos pacientes que utilizam este medicamento) e muito raras (ocorrem em menos de 0,01% dos pacientes que utilizam este medicamento), que podem ser graves:

Como devo usar este medicamento:

O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE

7.
MEDICAMENTO?

8.

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?

Reações muito raras (que ocorrem em menos de 0,01% dos pacientes que utilizam este medicamento): desorientação, depressão, dificuldade de dormir, pesadelos, irritabilidade, distúrbios psicóticos, formigamento ou dormência nas mãos ou pés, perturbações da memória, ansiedade, tremores, alterações do paladar, perturbações da visão ou audição, prisão de ventre, aftas, úlcera no esôfago (tubo que transporta o alimento da garganta para o estômago), palpitações, perda de cabelo, vermelhidão, inchaço e formação de bolhas na pele (devido ao aumento da sensibilidade ao sol).

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também a empresa através do seu serviço de atendimento.

Se você ingerir acidentalmente mais cápsulas de diclofenaco sódico do que deveria, pode ocorrer vômito, sangramento do estômago e intestino, diarreia, tontura, zumbido ou convulsões. No caso de intoxicação importante, pode ocorrer insuficiência aguda dos rins e do fígado. O tratamento de intoxicações agudas com medicamentos agentes anti-inflamatórios não-esteroides consiste essencialmente em medidas sintomáticas e de suporte.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

Dizeres legais :

M.S. 1.0089.0318
Farmacêutico Responsável: Alexandre Brasil Amaral dos Santos - CRF-RJ n° 6700

Fabricante :

Merk Brasil S/A

CNPJ 33.069.212/0001-84
Estrada dos Bandeirantes, 1099
Rio de Janeiro - RJ - CEP 22710-571 Indústria Brasileira

SAC Farmacêutica - 0800 727 7293
contato.merck@merck.com.br
SAC Química - 0800 727 7292
quimica@merck.com.br



Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.

Índice remissivo :

Dizeres legais :

Fabricante

Emagrecimento e Aumento de Massa Muscular