Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Complexo Homeopático Hydrastis - Bula

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Bula do Medicamento Complexo Homeopático Hydrastis, fabricado por Laborstório Almeida Prado, remédio homeopático a base de Hydrastis canadensis , indicado para o tratamento de sinusite e defluxo catarral.

Apresentação :

COMPRIMIDOS - Frasco com 60 comprimidos de 0,150 g

Via de Administração: VIA ORAL USO ADULTO E PEDIÁTRICO ACIMA DE 2 ANOS

COMPOSIÇÃO - Cada comprimido contém: Hydrastis canadensis 3CH 0,00375 ml, Magnesia carbonica 3CH 0,00375 g, Kali bichromicum 3CH 0,00375 g, Pulsatilla 3CH 0,00375 ml. Lactose qsp 0,150 g.

Indicação :

Este medicamento é utilizado como auxiliar no tratamento da sinusite e defluxo catarral. A indicação deste medicamento somente poderá ser alterada a critério do prescritor.

Farmacocinética :

Todo medicamento homeopático pode ser indicado de acordo com as Escolas Médicas Homeopáticas existentes: Unicista ou Complexista. Na Unicista, “o medicamento homeopático é indicado segundo a individualidade de cada paciente e não para doenças específicas.” Na Complexista, o medicamento homeopático é indicado para o tratamento de enfermidades específicas, com comprovada ação terapêutica descrita nas Matérias Médicas Homeopáticas e com a similitude (semelhança) dos sintomas dessa doença.
Este medicamento homeopático é preparado segundo os fundamentos da homeopatia e de acordo com as técnicas descritas na Farmacopéia Homeopática Brasileira. Age através do princípio da Lei dos Semelhantes. Os componentes da fórmula deste medicamento foram devidamente experimentados em humanos.

Contra indicação :

Quando o paciente for hipersensível aos componentes da fórmula.

Informeaoseuprescritorsobreagravidezduranteotratamentoouapósoseutérmino. Informeao seu prescritor se estiver amamentando. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação do médico ou do cirurgião-dentista. Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento. Este medicamento contém LACTOSE.

Modo de Conservar :

O prazo de validade deste medicamento é de 24 meses a partir da data de fabricação (vide embalagem), desde que o medicamento seja conservado em local fresco, seco e ao abrigo da luz. Manter o medicamento em temperatura ambiente (15° à 30°C). Fechar a embalagem adequadamente logo após o uso.
de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem. Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original. Os comprimidos são brancos e com um símbolo AP gravado em um dos lados. Antesdeusar,observeoaspectodomedicamento.Casoeleestejanoprazodevalidadee você observe alguma mudança no aspecto do medicamento , consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

Proteger da luz solar e de fontes de radiação eletromagnética, como por exemplo: forno de microondas, aparelho celular, televisão, etc.

Modo de Usar :

Uso adulto: é de 2 comprimidos a cada 2 horas po rvia oral.

Ascriançasacimade2anosdevemtomar 1 comprimido a cada 2 horas por via oral. Os comprimidos poderão ser dissolvidos na boca ou com água. Se você esquecer de tomar uma dose, você não deve duplicar a dose na próxima.

Antes de usar observe o aspecto do medicamento. Não é necessário acordar à noite para tomar o medicamento homeopático. Mantenha sempre a dose ou o modo de tomar sugerido nesta bula.

As orientações e recomendações previstas na bula estão relacionadas à via de Administração indicada.

O uso por outras vias pode envolver risco e devem estar sob a responsabilidade do prescritor.
Siga corretamente o modo de usar. Em caso de dúvidas sobre este medicamento, procure orientação do farmacêutico. Não desaparecendo os sintomas, procure a orientação do seu médico ou cirurgião-dentista. Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista o aparecimento de sintomas novos, agravação de sintomas atuais ou retorno de sintomas antigos. O uso inadequado do medicamento pode mascarar ou agravar sintomas. Consulte um clínico regularmente. Ele avaliará corretamente a evolução do tratamento. Siga corretamente suas orientações.

Caso esqueça de tomar :

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião- dentista. Caso você esqueça de usar o medicamento, não duplique a quantidade de medicamento na próxima tomada.

Efeitos Colaterais :

Não são relatados e conhecidos males e limitações de uso dos medicamentos homeopáticos. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação do seu médico ou do cirurgião dentista. Não foram realizados estudos em animais e nem em mulheres grávidas. Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do Serviço de Atendimento. Em caso de sintomas que causem mal estar durante o tratamento, procure seu médico ou farmacêutico.

Superdosagem :

A melhor conduta numa destas situações é a de espera e observação. Aumente a ingestão de líquidos. Caso ocorram vômitos ou enjôos, procure ajuda emergencial médica.
Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.
Registro MS 1.0266.0079.001-1 Farmacêutica Responsável: Dra. Zuleika Carvalho - CRF/SP 4.142 No do lote, data da fabricação e data da validade: vide embalagem. Esta bula foi aprovada pela ANVISA em ( / / )

Fabricante :

FARMÁCIA E LABORATÓRIO HOMEOPÁTICO ALMEIDA PRADO LTDA.

Praça Benedito Calixto 129/133 – São Paulo-SP
CNPJ 60.862.208/0001-41 - Indústria Brasileira
Serviço de Atendimento ao Consumidor: 0800-116311

Medicamentos do mesmo fabricante :

almeida-prado 01, almeida-prado 02, almeida-prado 03, almeida-prado 04, almeida-prado 05, almeida-prado 06, almeida-prado 07, almeida-prado 08, almeida-prado 09, almeida-prado 10, almeida-prado 14, almeida-prado 18, almeida-prado 19, almeida-prado 20, almeida-prado 22, almeida-prado 24, almeida-prado 28, almeida-prado 30, almeida-prado 32, almeida-prado 33, almeida-prado 35, almeida-prado 37, almeida-prado 40, almeida-prado 42, almeida-prado 46, almeida-prado 48, almeida-prado 49, complexo homeopatico baryta, complexo homeopatico gelsemium, complexo homeopatico hydrastis, complexo homeopatico ignatia, complexo homeopatico senna, complexo isotropico sabila, homeofla, homepax, klimakt-heel

MEDICAMENTOS COM O MESMO PRINCÍPIO ATIVO :

SINUDORON – Berberis vulgaris, Hydrastis canadensis, Argentum nitricum, Atropa belladonna, Silicea Glóbulos.


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.

Emagrecimento e Aumento de Massa Muscular