Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Buspar - bula

O cloridato de buspirona por si só não emagrece, pois ele num tem essa finalidade, é indicado no tratamento dos distúrbios de ansiedade tais como distúrbios de ansiedade generalizada e no alívio a curto prazo dos sintomas de ansiedade acompanhada ou não de depressão. segue a bula do medicamento.

Princípio ativo : Buspirona

Classe terapêutica : Antiespasmódicos.

Apresentação : Comprimidos a 5mg e 10 mg

Identificação

O que contém esta embalagem?

A embalagem contém comprimidos doseados a 5 mg ou a 10 mg de cloridrato de buspirona.

Como se apresenta o Buspar?

Buspar apresenta-se na forma de comprimidos para uso oral.

Indicação :

Buspar É um medicamento ansioltico que alivia a ansiedade sem produzir efeitos sedativos ou miorrelaxantes ou comprometer o estado de alerta mental.

PARA QUE SERVE O BUSPAR?

Buspar é usado para tratar perturbações da ansiedade (ansiedade generalizada) e no alívio dos sintomas da ansidade, com ou sem depressão associada.

Antes de usar Buspar

QUANDO NO DEVO USAR O BUSPAR?

Buspar não deve ser usado em doentes hipersensíveis ao cloridrato de buspirona ou a qualquer dos excipientes.

QUAIS OS EFEITOS secundários DO BUSPAR?

Os efeitos secundários do Buspar quando ocorrem observam-se no incio do tratamento e desaparecem usualmente com o uso da medicação ou a redução da dose. O Buspar em geral bem tolerado, mas pode apresentar um ou mais dos seguintes efeitos secundários: tonturas, cefaleias, nervosismo, atordoamento, náuseas, excitação e sudação.

POSSO TOMAR BUSPAR COM OUTROS MEDICAMENTOS?

Para qualquer medicamento prescrito, deve informar sempre o seu médico acerca de todos os outros medicamentos que está a tomar, mesmo aqueles que adquiriu sem receita médica, na farmcia.

O uso concomitante de Buspar com outros fármacos com ação a nível do sistema nervoso central requer precaução.

Quando em Administração concomitante com eritromicina, itraconazol, nefazodona, cetoconazol e ritonavir, recomenda-se usar uma dose baixa de buspirona.

Quando em Administração concomitante com dexametasona e alguns anticonvulsivantes (como a fenitona, fenobarbital, carbamazepina), pode ser necessário aumentar a dose de buspirona. A co-Administração da buspirona com diltiazem e verapamil, por poder potenciar os efeitos e aumentar a toxicidade da buspirona, pode requerer acertos posológicos de qualquer um dos fármacos, com base na resposta clínica.

A co-Administração de buspirona com rifampicina pode diminuir as concentrações plasmáticas e os efeitos da buspirona.

A buspirona não desloca a ligação s proteínas plasmáticas dos fármacos que se ligam fortemente, como a fenitona, propranolol e varfarina. No entanto, existem relatos (raros) de aumento do tempo de protrombina quando a buspirona foi adicionada a um regime com varfarina. In vitro, a buspirona desloca os fármacos menos firmemente ligados, como a digoxina.

BUSPAR não aumenta de uma forma significativa os efeitos depressores do álcool.

BUSPAR parece não interferir com os testes laboratoriais clínicos vulgarmente utilizados.

QUE PRECAUções DEVO TER AO TOMAR BUSPAR?

O tratamento concomitante de Buspar com inibidores da mono-aminoxidase (IMAO) pode causar o aumento da pressão arterial.

Não se recomenda o uso de Buspar em doentes com antecedentes de perturbações convulsivas. prudente evitar o uso concomitante com bebidas alcolicas.

Deverá ter-se em atenção que o sumo de toranja pode aumentar as concentrações de buspirona. A buspirona não deve ser usada para desintoxicar doentes em dependência das benzodiazepinas.

Posso tomar Buspar se estiver grávida?

Buspar não deve ser utilizado por mulheres grávidas pois não há experiência de utilização nesta situação. Se ficar grávida durante o tratamento com Buspar informe o seu médico.

Posso tomar Buspar se estiver a amamentar?

Se tomar Buspar não deve amamentar.

Buspar pode ser dado a crianças?

Buspar não deve ser utilizado por crianças; a eficácia e segurança de Buspar não foram determinadas em indivíduos com menos de 18 anos.

Buspar pode ser usado por pessoas idosas?

Buspar pode ser utilizado por pessoas idosas.

Posso tomar Buspar se sofrer de algum problema de fgado ou de rins?

Se sofrer de algum problema de fgado ou de rins, assegure-se que informa o seu médico pois ele poderá receitar-lhe uma dose mais reduzida que a usual. O Buspar não deve ser usado em doentes que apresentam compromisso grave da função renal ou da função hepática.

Quais os efeitos de Buspar sobre a capacidade de condução de veículos ou de máquinas?

O Buspar menos sedante do que outros ansiolticos e não produz incapacidade psicomotora significativa. Contudo, não deve conduzir veículos ou usar maquinaria complexa até estar seguro de que o tratamento não afecta a capacidade psicomotora de forma adversa.

Que outros ingredientes tem o Buspar?

Buspar contém lactose anidra, glicolato de sódio, celulose microcristalina, dióxido de silício coloidal e estearato de magnésio.

COMO DEVO TOMAR BUSPAR?

Se estiver a tomar outros medicamentos Além do Buspar leia “Posso tomar Buspar com outros medicamentos?”.

A dose usual a tomar ser recomendada pelo seu médico. Em geral a dose diária inicial é de 15 mg, dividida em duas ou três tomas. Para obter a resposta terapêutica ptima, a dose pode ser aumentada de 5 mg por dia, cada 2 a 3 dias. A dose máxima diária não deve exceder 60 mg. Na maioria dos doentes, incluindo os idosos, a resposta terapêutica ptima obtem-se por incrementos para uma dose diária total de 20-30 mg administrados em 2 a 3 doses.

importante tomar o Buspar diariamente e continuar a tomar durante o tempo que o seu médico recomendar. Não altere a dose nem a duração do tratamento.

E se me esquecer de tomar uma dose?

Tome o Buspar logo que se lembrar.

No caso de uma dose em excesso:

No caso de uma dose em excesso recomenda lavagem gástrica e as medidas gerais sintomáticas e de suporte. Desconhece-se o antídoto específico; a buspirona não removida por hemodilise.

OUTRAS RECOMENDAções

. Comunique ao seu médico ou farmacêutico a Ocorrência de qualquer efeito secundário não mencionado nesta bula.

. Verifique sempre o prazo de validade dos medicamentos inscrito na embalagem.

. Não use medicamentos depois de passado o prazo de validade indicado na embalagem.

. Manter fora do alcance e da vista das crianças.

CONDIções DE Conservação DESTE MEDICAMENTO

. Não conservar acima de 30ºC. Proteger da luz.

PARA MAIS InformaçãES

Se tem alguma dvida ou pergunta sobre o Buspar contacte o seu médico ou farmacêutico.

Fabricante :

Bristol-Myers Squibb Farmacêutica S.A.
Rua Carlos Gomes, 924,
Santo Amaro - São Paulo - SP
CNPJ 56.998.982/0001-07
Sac: 0800 727 6160 - sac.brz@bms.com

Medicamentos do mesmo labaratório: