Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Bufedil - Bula

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípio ativo : Buflomedil.

Apresentação : 150 mg: embalagens com 30 comprimidos revestidos. 300 mg: embalagens com 30 comprimidos revestidos. 600 mg: embalagens com 15 comprimidos revestidos. Injetível: embalagens com 5 ampolas.

Indicações: distúrbios circulatérios, principalmente a nível de microcirculação, devidos a aterognese vascular ou a fenmenos vasoesPósticos. Esses distúrbios circulatérios incluem úlceras ou distúrbios tróficos da pele, insuficiência vascular perifrica acompanhada de claudicação intermitente, insuficiência cerebrovascular e vasculopatias diabticas.
Esses quadros manifestaram-se em patologias, tais como, aterosclerose, arterite, doença de Raynaud, síndrome de Raynaud, eritrocianose, doença de Buerger, livedo reticular, diabetes. Embora os sinais de melhora possam aparecer rapidamente, o mais comum que ocorram de maneira gradual, após semanas de tratamento.

Efeito Colateral :

Bufedil apresenta um baixo ndice de reações adversas. Efeitos colaterais relatados são de pequena intensidade e por ordem decrescente de frequência são: distúrbios gastrintestinais, vertigem, cefaleia e prurido. Em Administração parenteral rápida pode manifestar-se raramente hipotensão ou rubor cutâneo.

Precauções :

Insuficiência renal pode levar a excessiva acumulação sistémica do fármaco; portanto, nessas condições o medicamento deve ser administrado com cuidado e em doses menores do que as usuais. Uso durante a gravidez: a segurança do uso do Bufedil durante a gravidez e lactação não foi estabelecida. Estudos teratológicos realizados em animais não demonstraram ação prejudicial ao feto.
Não recomendada sua administração durante a gestação, especialmente no primeiro trimestre, ou durante a lactação. Uso em pediatria: não existem experiências clínicas em pacientes abaixo de 18 anos. - Interações Medicamentosas:: até o momento não foram relatadas Interações de outros fármacos com o cloridrato de buflomedil.

Fórmula :

Comprimido revestido de 150 mg: cloridrato debuflomedil 150 mg; excipiente q.s.p. 1 comprimido. Comprimido revestido de 300 mg: cloridrato de buflomedil 300 mg; excipiente q.s.p. 1 comprimido. Comprimido revestido de 600 mg: cloridrato de buflomedil 600 mg; excipiente q.s.p. 1 comprimido. Ampola de 5 ml: cloridrato de buflomedil 50 mg; água para injeção q.s.p. 5 ml.

Contra indicação :

Pós-parto ou em presença de sangramento arterial severo.

Modo de Usar :

A dose oral recomendada é de 150 mg (1 comprimido revestido ou 1 ml), 3 a 4 vezes ao dia ou 300 mg (1 comprimido revestido de 300 mg ou 2 ml) 2 vezes ao dia, ou ainda 600 mg (1 comprimido revestido de 600 mg uma vez ao dia).
Estudos farmacocinéticos mostraram que, duplicando a dose, aumenta-se o pico da concentração plasmática (Cmx) e prolonga-se a duração da concentração plasmática, o que justifica a administração de 300 mg a cada 12 horas.

Fabricante :

Abbott Laboratórios do Brasil Ltda.

Endereço: Estrada dos Bandeirantes, 2400 - Taquara, Rio de Janeiro - RJ, 22710-907

Medicamentos do mesmo fabricante :

Bufedil, Cetiva AE, Depakote, Ensure Pó, Etrane, Gentaplus, Iberol, Isomil, Klaricid UD, Klaricid, Leutrol, Lupron sc, Magnopyrol, Metiocolin b12, Noctal, Norvir, Ogastro, Pantomicina, Pedialyte 45 pó, Pedialyte 45, Pedialyte 90 pó, Pedialyte 90, Pedialyte, Quelicin, Selsun Azul, Selsun Ouro, Sevorane, Siliver, Sobrepin, Solvobil


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.

Emagrecimento e Aumento de Massa Muscular