Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Betnovate - bula

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípio ativo : betametasona sob a forma de 17-valerato

Apresentação :

BETNOVATE 1 mg/g Creme BETNOVATE 1 mg/g Pomada

BETNOVATE 1 mg/g Creme BETNOVATE 1 mg/g Pomada

- Os outros componentes são:
- Betnovate Creme: clorocresol, cetomacrogol 1000, álcool cetoestearlico, parafina líquida, vaselina, fosfato monossódico dihidratado, ácido fosfrico, hidróxido de sódio e água purificada.
- Betnovate Pomada: parafina líquida e vaselina.

Indicações:

Embalagens com uma bisnaga, contendo 30 g de creme ou pomada. Betnovate pertence ao grupo dos medicamentos anti-inflamatórios esteroides de utilização tópica (13.5).
Betnovate é indicado no tratamento de eczemas, incluindo os eczemas atépicos, infantis e discóides; prurigo nodularis; psorase (excluindo a psorase generalizada em placas); neurodermatoses, incluindo lnquen simplex e lnquen planus; dermatite seborreica; dermatite de contacto; lpus discóide eritematoso; como adjuvante da terapêutica corticosteride sistémica na eritrodermia generalizada; picadas de insectos; miliria rubra.

2. ANTES DE USAR BETNOVATE
Não use Betnovate:
- se tem hipersensibilidade (alergia) betametasona ou a qualquer dos excipientes;
- se tem roscea, (rubor intenso da pele do nariz ou rea perinasal), acne vulgar, dermatite peri-oral, prurido perianal e genital, infecções vricas cutâneas primrias (ex.: herpes, varicela).
- Betnovate não é indicado em infecções primrias da pele provocadas por fungos ou bactrias (impetigo, tuberculose, sífilis), nem em dermatoses em crianças com menos de um ano de idade, incluindo dermatites e erupção das fraldas.
Não deve ser utilizado o tratamento com Betnovate em crianças com idade compreendida entre 1 e 12 anos por um perãodo superior a 5 dias.
Tome especial cuidado com Betnovate
Quando possível, a terapêutica contínua prolongada deve ser evitada, particularmente nos lactentes e crianças, pois pode ocorrer inibição supra-renal mesmo sem oclusão. A face, mais do que quaisquer outras reas do corpo, pode apresentar alterações atróficas depois de tratamento prolongado com corticosteróides tópicos potentes. Deve ter-se em atenção este facto no tratamento de situações tais como psorase, lupus eritematoso discóide e eczema grave.
Se aplicado nas Pólpebras deve haver cuidado para evitar que penetre nos olhos porque pode dar origem a glaucoma.
Os corticosteróides tópicos podem ter riscos na psorase devido a vrias razes incluindo recidiva rebound, desenvolvimento de tolerância, risco de psorase pustular generalizada e desenvolvimento de toxicidade local ou sistémica, devido à função de barreira da pele estar alterada. Se for usado na psorase importante a observação cuidada do doente.
Deve ser administrada terapêutica antimicrobiana adequada sempre que se tratem lesões inflamatórias que infectaram. Qualquer alastramento da infecção requer a suspensão da terapêutica corticosteride tópica e a administração sistémica de antimicrobianos.
A infecção bacteriana facilitada pelas condições de calor e humidade induzidas pelo revestimento oclusivo, e por isso a pele deve ser limpa antes de aplicar um novo penso.

Gravidez e aleitamento
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver grávida, se planeia engravidar ou se está a amamentar.

Dado que não existe evidência adequada da segurança da utilização de Betnovate na gravidez ou aleitamento, s se deve considerar a utilização em qualquer destas situações se o benefício para a me justificar qualquer risco potencial para o feto.
Condução e utilização de máquinas
Não de esperar que sejam observados efeitos sobre a capacidade de conduzir e utilizar máquinas.

Usar Betnovate com outros medicamentos
Não se conhecem Interações Medicamentosas: com Betnovate. No entanto, importante que informe o seu médico sobre todos os medicamentos que utiliza, inclusivamente os que adquiriu sem receita médica.

3. COMO USAR BETNOVATE

Siga as recomendações do seu médico. Em caso de dvida consulte o seu médico ou farmacêutico.
Aplique uma pequena quantidade na rea afectada 2 a 3 vezes por dia até melhoria dos sintomas. Depois, o tratamento pode geralmente manter-se aplicando uma vez por dia, ou mesmo com menor frequência.

Em geral, Betnovate Creme está especialmente indicado nas lesões hámidas e exsudativas e Betnovate Pomada nas lesões secas, liquenificadas ou escamosas. Em algumas situações esta regra pode não se verificar.
Nas lesões mais resistentes, como nas placas espessas da psorase nos cotovelos e nos joelhos, o efeito do Betnovate pode ser potenciado, se necessário, por oclusão da rea a tratar com uma película de polietileno. Geralmente, um penso oclusivo durante a noite suficiente para se obter uma resposta satisfatéria; depois as melhoras obtidas podem geralmente manter-se com a aplicação tópica sem oclusão.

Betnovate Creme e Pomada é apropriado para utilização em crianças (a partir de 1 ano de idade) e idosos. No entanto, a sua utilização prolongada ou aplicação em reas extensas Deverá ser evitada especialmente nesta população.

Limpe a pele antes de proceder a aplicação de um novo penso (ver Tome especial cuidado com Betnovate)

Se usar mais Betnovate do que deveria
Se acidentalmente, aplicar uma quantidade superior recomendada, não provável que ocorram consequncias graves.
Em caso de sobredosagem crônica, ou utilização incorrecta, podem surgir sinais de hipercortisolismo. Nesta situação deve suspender-se o tratamento gradualmente e sob supervisão médica, devido ao risco de insuficiência supra-renal.

Caso se tenha esquecido de usar Betnovate
Caso se esquea de aplicar o creme ou pomada na altura recomendada, proceda sua aplicação quando se lembrar. Se estiver próximo da aplicação seguinte, aguarde e aplique na altura recomendada.

Efeitos secundários possíveis

Como com todos os medicamentos, alguns doentes poderão sentir efeitos secundários.

Se surgirem sintomas de hipersensibilidade (alergia), deve suspender imediatamente a aplicação .
O tratamento intensivo e prolongado com corticosteróides muito activos pode provocar alterações atróficas locais na pele tais como adelgaamento e estrias, e ainda dilatação dos vasos sanguíneos superficiais, particularmente com o uso de revestimento oclusivo ou quando estáo envolvidas pregas da pele. Pode sentir sensação de calor no local da aplicação , prurido, alterações da pigmentação, hipertricose (crescimento exagerado ou invulgar de Pólos), dermatite alérgica de contacto ou exacerbação dos sintomas.
Pensa-se que, em casos muito raros, o tratamento da psorase com corticosteróides, ou a sua suspensão, tenha provocado a forma pustular da doença.
Como com outros corticosteróides tópicos, o uso prolongado de grandes quantidades ou o tratamento de reas muito extensas pode resultar em absorção sistémica suficiente para produzir os efeitos do hipercortisolismo. Este efeito é mais provável ocorrer em lactentes e crianças, se forem usados pensos oclusivos. Nos lactentes, as fraldas podem Atuar como um penso oclusivo.

Poderão ocorrer infecções secundárias a fungos e bactrias.

Caso detecte efeitos secundários não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Fabricante :

Sandoz do Brasil Indústrias Farmacêutica Ltda.
Rua Paraná, 445 - Jardim do Café
86183-600 - Cambe - PR
Telefones:
Cambé - PR +55 43 3174-8000
São Paulo - SP +55 11 5532-7122
SAC 0800 400 91 92 - sac.sandoz@sandoz.com

Medicamentos do mesmo fabricante :

Acetilcisteina Bluval, Acetilcisteina Sandoz, Amidalin Pastilhas, Amidalin Spray, Amidalin, Aminofilina Sandoz, Amlovasc, Beta, Cafergot, Cefuroxima Condronac, Doxazosina, Enalapril Bexal, Fentanilo Sandoz, Fluvastatina Sandoz, Gynergene, Lamotrigina Apharma, Lisinopril Sandoz, Losartan Sandoz, Metformina Sandoz, Micofenolato, Olanzapina Sandoz, Omeprazol Sandoz, Ondansetrom Sandoz-4, Ondansetrom Sandoz-8, Optalidon, Pantoprazol Sandoz 40, Piperacilina Sandoz, Ramipril Sandoz-5, Ramipril Sandoz-10, Ramipril Sandoz-25, Ramipril Sandoz, Risperidona Sandoz, Roxitromicina, Salbutamol, Sandostatin Lar, Sertralina Sandoz-50, Sertralina Sandoz-100, Venlafaxina Tubernax, Vinorrelbina Sandoz, Zolpidem Sandoz,

Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A automedicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.