Bulário Brasil

Amidalin - Bula do Medicamento

Esta bula é meramente informatica destinada ao público em geral.

Amidalin - benzocaína tirotricina

Pastilhas de 5 mg + 1,035 mg. Embalagem contendo 20 ou 100 pastilhas nos sabores laranja, mel e limão, cereja, menta ou framboesa.

USO ORAL USO ADULTO E PEDIÁTRICO ACIMA DE 8 ANOS

Cada pastilha contém:

benzocaína ............................................................ 5 mg

tirotricina ......................................................... 1,035 mg

excipientes q.s.p. ............................................ 1 pastilha (ciclamato de sódio, sacarina sódica, talco, estearato de magnésio, povidona, sacarose, essências e corantes).
Leia atentamente este texto antes de começar a tomar o medicamento, ele informa sobre as propriedades deste medicamento. Se persistirem dúvidas ou estiver inseguro fale com seu médico. Antes de utilizar o medicamento, confira o nome do rótulo e não administre caso haja sinais de violação e/ou danos na embalagem.

1. PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

Como auxiliar no tratamento de amidalite, faringite, laringite, gengivite, estomatite e afta.

2. COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

O Amidalin é composto por um antibiótico de ação local (tirotricina) e um anestésico de superfície (benzocaína).

3. QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Durante o tratamento com Amidalin recomenda-se evitar a ingestão de bebida alcoólica. Este produto está contra-indicado em pacientes com alergias aos componentes da sua fórmula. Informe seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término.

4. O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

O uso prolongado poderá desenvolver resistência a alguns microorganismos. Idosos: Não foram relatadas restrições quanto ao uso do produto em pacientes idosos.

Atenção diabéticos: contém açúcar.

Interações medicamentosas:

Até o momento não foram relatadas interações do produto com outros fármacos e/ou medicamentos.

Apresentação :

Composição

II. INFORMAÇÕES AO PACIENTE

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

5. ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?

As pastilhas de Amidalin devem ser mantidas em sua embalagem original, em temperatura ambiente (15oC – 30oC). Proteger da umidade. Amidalin apresenta prazo de validade de 24 meses, a partir da data de sua fabricação.

de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem. Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Características físicas e organolépticas:

Amidalin laranja- pastilha circular, de coloração alaranjada, biplanar, com ambas as faces lisas e bordas chanfradas. Amidalin mel e limão- pastilha circular, de coloração levemente marrom, biplanar, com ambas as faces lisas e bordas chanfradas. Amidalin cereja- pastilha circular, de coloração heterogênea rosa com pontos vermelhos, biplanar, com ambas as faces lisas e bordas chanfradas. Amidalin menta- pastilha circular, de coloração verde, biplanar, com ambas as faces lisas e bordas chanfradas. Amidalin framboesa- pastilha circular, de coloração roxa claro, biplanar, com ambas as faces lisas e bordas chanfradas.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento.

Caso ele esteja no prazo de validade e você observa alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

6. COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Adultos:

Deixar dissolver a pastilha na boca, de acordo com as necessidades ou segundo critério médico. Sugerimos 1 pastilha a cada hora, não deixando exceder a 10 pastilhas ao dia. As pastilhas não devem ser mastigadas, deixar dissolver lentamente. Crianças acima de 8 anos: Sugerimos 1 pastilha a cada hora, não deixando exceder a 5 pastilhas ao dia.

Siga corretamente o modo de usar. Em caso de dúvidas sobre este medicamento, procure orientação do farmacêutico. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação de seu médico ou cirurgião-dentista. Este medicamento não deve ser partido ou mastigado.

7. O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião- dentista.

8. QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?

Raramente pode originar fenômeno de hipersensibilidade, que desaparece logo com a suspensão do medicamento. Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

9. O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO?

Em eventual superdose, imediatamente suspenda a medicação e procure assistência médica. Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

Reg. M.S.: 1.0047.0009
Farm. Resp.: Luciana A. Perez Bonilha CRF-PR no. 16.006

Amidalin. Embalagem contendo 20 ou 100 pastilhas. Fabricado por: Sandoz do Brasil Indústria Farmacêutica Ltda. Rod. Celso Garcia Cid (PR-445), km 87
Cambe - PR CNPJ: 61.286.647/0001-16 Indústria Brasileira

Amidalin. Embalagem contendo 100 pastilhas.

Fabricante :

Sandoz do Brasil Indústrias Farmacêutica Ltda.
Rua Paraná, 445 - Jardim do Café
86183-600 - Cambe - PR
Telefones:
Cambé - PR +55 43 3174-8000
São Paulo - SP +55 11 5532-7122
SAC 0800 400 91 92 - sac.sandoz@sandoz.com

Medicamentos do mesmo fabricante :

Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.
Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.
Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.
Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informatica, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descastar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.