Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Alivium 100

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípio ativo : ibuprofeno

Apresentação : Alivium gotas 100 mg/ml apresenta-se em frascos com 20 ml.

Indicação : Alivium é indicado para febre e dores leves e moderadas, associadas a gripes e resfriados, dor de garganta, dor de cabeça, dor de dente, dor nas costas, cólicas menstruais, dores musculares e outras.

Farmacocinética :

Alivium é um medicamento antitérmico (reduz a febre) e analgésico (alivia as dores).

O início de ação ocorre em cerca de 15 a 30 minutos após sua administração oral e permanece por 4 a 6 horas.

Modo de Usar :

Criança
A posologia recomendada para crianças a partir de 6 meses é de 1 gota/Kg peso, em intervalos de 6 a 8 horas, ou seja, de 3 a 4 vezes ao dia, não excedendo a dose máxima recomendada de 20 gotas/dose.

Adulto
Para adultos, a posologia recomendada pode variar de 200 mg (20 gotas) a 800 mg (80 gotas), não devendo exceder a dose máxima recomendada diária de 3.200 mg.

Agite antes de usar.

Não precisa diluir.

Efeito Colateral :

Junto com os efeitos necessários para seu tratamento, os medicamentos podem causar efeitos colaterais.

Apesar de nem todos estes efeitos colaterais ocorrerem, você deve procurar atendimento médico caso algum deles ocorra.

Os efeitos colaterais mais comuns são de origem gastrintestinal (náuseas, vômito, dor epigástrica, desconforto abdominal, diarreia, constipação intestinal).

Podem ocorrer também, reações de hipersensibilidade, ambliopia tóxica, elevação significativa da transaminase no soro, retenção de líquidos, edema, inibição da agregação plaquetária, linfopenia, anemia hemolítica, granulocitose, trombocitopenia, tontura, rash cutâneo, depressão, insônia e insuficiência renal em pacientes desidratados.

Contra Indicação :

Não utilize Alivium se você já teve qualquer alergia ou alguma reação incomum a qualquer um dos componentes da fórmula do produto.

Não utilize Alivium se você apresenta úlcera péptica ativa, sangramento gastrintestinal ou em casos em que o ácido acetilsalicílico, iodeto e outros anti-inflamatórios não-esteroides tenham induzido asma, rinite, urticária, pólipo nasal, angioedema, broncoespasmo e outros sintomas de reação alérgica ou anafilática.

Este medicamento é contra indicado para uso em crianças menores de 6 meses de idade.

Advertências e Precauções

Alivium na gravidez e lactação: não utilizar este medicamento durante a gestação ou a amamentação, exceto sob recomendação médica.

Informar ao médico a Ocorrência de gravidez durante o tratamento ou após o seu término.

Informe ao seu médico se está amamentando.

Alivium pode ser utilizado em crianças a partir de 6 meses de idade.

O uso de ibuprofeno em crianças com menos de 2 anos deve ser feito sob orientação médica.

Não utilize Alivium concomitantemente com bebidas alcoólicas.

Não utilize Alivium caso tenha apresentado alguma reação alérgica ao ibuprofeno, aos demais componentes da fórmula do produto, ao ácido acetilsalicílico, a outros anti-inflamatórios, analgésicos e antitérmicos.

Não utilize este produto contra a dor por mais de 10 dias ou contra a febre por mais de 3 dias, a menos que seja prescrito pelo médico.

Não exceda a dose recomendada.

Não tome este produto com outros medicamentos contendo ibuprofeno ou outros analgésicos, exceto sob orientação médica.

Informe sempre ao médico sobre possíveis doenças cardíacas, renais, hepáticas ou outras que esteja apresentando, para receber uma orientação cuidadosa.

Em portadores de asma ou outras afecções alérgicas, especialmente quando há história de broncoespasmo, o ibuprofeno deve ser usado com cautela.

Consulte um médico caso:

Não esteja ingerindo líquidos.
Tenha perda contínua de líquidos por diarreia ou vômito.
Tenha dor de estômago.
Apresente dor de garganta grave ou persistente ou dor de garganta acompanhada de febre elevada, dor de cabeça, enjoos e vômitos.
Tenha ou tenha tido problemas ou efeitos colaterais com este ou qualquer outro analgésico ou antitérmico.
Consulte um médico antes de utilizar este medicamento se:

Estiver sob tratamento de alguma doença grave.
Estiver tomando outro(s) medicamento(s).
Estiver tomando outro medicamento que contenha ibuprofeno ou outro analgésico e antitérmico.
Pare de utilizar este medicamento e consulte um médico caso:

Ocorra uma reação alérgica.
A dor ou a febre piorarem ou durarem mais de 3 dias.
Não obtenha melhora após 24 horas de tratamento.
Ocorra vermelhidão ou inchaço na área dolorosa.
Surjam novos sintomas.
Poderá ocorrer diminuição dos níveis de hemoglobina e do hematócrito.

Se houver sangramento gastrintestinal devido ao uso do ibuprofeno, haverá positividade na pesquisa de sangue oculto nas fezes.

Poderá causar diminuição dos níveis de glicose sanguínea

Não existe interferência conhecida com outros exames.

Interação Medicamentosa :

O uso de ibuprofeno e de outros analgésicos e antitérmicos concomitantemente com medicamentos à base de cortisona aumenta o risco de úlceras gástricas. ​
O uso concomitante de medicamentos à base de furosemida e tiazídicos diminui o efeito diurético dessas drogas.
O uso do produto concomitantemente com medicamentos à base de probenecida aumentará o efeito terapêutico do ibuprofeno. Durante a terapia com o ibuprofeno, deve-se evitar a administração de hormônios tireoidianos.
O ibuprofeno pode aumentar o efeito dos anticoagulantes orais da heparina, a concentração sanguínea de lítio e a atividade anti-agregante plaquetária, desaconselhando-se, portanto, a administração simultânea de ibuprofeno e tais substâncias.
O uso concomitante de qualquer AINE (anti-inflamatórios não-esteroides) com os seguintes fármacos deve ser evitado, especialmente nos casos de Administração crônica: ácido acetilsalicílico, paracetamol, colchicina, iodetos, medicamentos fotossensibilizantes, outros anti-inflamatórios não-esteroides, corticosteroides, glicocorticoides, corticotrofina, uroquinase, hipoglicemiantes orais ou insulina, anti-hipertensivos e diuréticos, ácido valproico, plicamicina, compostos de ouro, ciclosporina, lítio, probenecida, inibidores da ECA (enzima conversora da angiotensina), agentes anticoagulantes ou trombolíticos, inibidores de agregação plaquetária, cardiotônicos digitálicos, digoxina e metotrexato.
Superdosagem
O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada deste medicamento?

Alivium deve ser usado somente na dose recomendada.

Se você utilizar grande quantidade deste medicamento, procure imediatamente socorro médico levando a bula do produto.

O tratamento da superdose pelo ibuprofeno é de suporte, uma vez que não existem antídotos a este fármaco.

Os sintomas podem incluir vertigem, nistagmo, apneia, inconsciência, hipotensão e insuficiência respiratória.

Deve-se evitar a provocação de vômitos e a ingestão de alimentos ou bebidas.

O mais indicado é procurar um serviço médico, tendo em mãos a embalagem do produto e, de preferência, sabendo-se a quantidade exata de medicamento ingerida.

Pode-se, alternativamente, solicitar auxílio ao Centro de Assistência Toxicológica da região, o qual deve fornecer as orientações para a superdose em questão.

Armazenamento

Onde como e por quanto tempo posso guardar este medicamento?

Alivium deve ser guardado em sua embalagem original em local com temperatura ambiente (15ºC a 30ºC).

Aspecto físico:

Alivium é uma suspensão homogênea branca.

Dizeres Legais

MS 1.0093.0218

Farm. Resp.: Lucia Lago Hammes - CRF-RJ 2.804

Fórmula :

Cada ml de Alivium gotas contém 100 mg de ibuprofeno (1 gota= 10 mg).

Componentes inativos: goma xantan, glicerol, benzoato de sódio, ácido cítrico, propilenoglicol, aroma artificial de frutas, sorbitol solução, sacarina sódica, ciclamato de sódio, dióxido de titânio, sucralose e água.

Fabricante :

MANTECORP INDÚSTRIA QUÍMICA E FARMACÊUTICA LTDA

Estrada dos Bandeirantes, 3091 - Rio de Janeiro - RJ

SAC: 0800 011 7788

Medicamentos do mesmo fabricante :

Alivium 100, Alivium 600, Alivium, Celestamine, Celestone, Coristina D


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.

Emagrecimento e Aumento de Massa Muscular