Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Água Inglesa para Engravidar

Bula do medicamento fitoterápico Água Inglesa, produzido pelo laboratório Catarinense, composto por diversas ervas importantes na farmacologia natural, como quina, camomila, losna e carqueja, indicado para problemas de digestão e ativador do apetite.

Princípio ativo: Tintura de quina amarela

Apresentação: Solução oral – frasco plástico âmbar x 500ml

Fórmula:

Cada ml contém:
Tintura de quina amarela ......................... 0,0400ml [a]
Tintura de calumba ................................. 0,0150ml [b]
Tintura de centáurea menor ..................... 0,0150ml [c]
Tintura de carqueja amarga ..................... 0,0076ml [d]
Tintura de losna ...................................... 0,0076ml [e]
Tintura de camomila vulgar ..................... 0,0076ml [g]
Tintura de canela da China ...................... 0,0036ml [h]
Excipientes: álcool.
[a] equivalente a 400mcg de quinina (marcador)
[b] equivalente a 30mcg de berberina (marcador)
[c] equivalente a 60mcg de genciopicrosídeo (marcador)
[d] equivalente a 7,6mcg de quercetina (marcador)
[e] equivalente a 2mcg de fenólicos totais (marcador)
[g] equivalente a 4,6mcg de apigenina (marcador)
[h] equivalente a 5,8mcg de cinamaldeido (marcador)

Indicação:

Água Inglesa Catarinense é um medicamento composto com plantas com reconhecidas propriedades digestivas e estimulantes do apetite.

Essas plantas apresentam princípios ativos amargos que agem sobre a mucosa do aparelho digestivo, estimulando a produção de suco gástrico, o que facilita a digestão. A quina amarela age como tônico e estimulador do apetite.

Indicações do medicamento:

Água Inglesa Catarinense é indicado como medicação aperiente e tônica. O tempo médio de início da ação do medicamento vai depender das condições de cada organsino.

Riscos do medicamento:

Água Inglesa Catarinense é contra indicado para pessoas com hiperacidez estomacal, epilepsia, gastrite, úlceras gastroduodenais, síndrome do intestino irritável, colite ulcerosa, enfermidade de Crohn, Mal de Parkinson, hepatopatias ou dispepsias hiposecretoras.

Água Inglesa Catarinense não deve ser utilizado durante a gravidez e para pacientes com hipersensibilidade à droga ou a seus componentes.

Interações Medicamentosas:

Até o momento não são conhecidas Interações Medicamentosas: de Água Inglesa Catarinense com outros medicamentos ou substâncias.

Este medicamento não deve ser utilizado por via de Administração não recomendada.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista[Categoria C].

Este medicamento é contra indicado na faixa etária menor de 12 anos.

Informe ao médico ou cirurgião-dentista o aparecimento de reações indesejáveis.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Modo de uso:

Água Inglesa Catarinense apresenta-se como um líquido móvel e límpido, amarelo castanho e com odor aromático e característico. Seu sabor é amargo alcoólico.

A posologia foi estabelecida em 1 cálice (30ml), antes das refeições.

O líquido deve ser ingerido por via oral.

Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica ou de seu cirurgião-dentista.

Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Antes de usar observe o aspecto do medicamento.

Para consulta do prazo de validade: vide cartucho.

Reações adversas:

Ainda não são conhecidas a intensidade e frequência das reações adversas.

Conduta em caso de superdosagem:

Ainda não são conhecidas os sintomas em casos de superdosagem. Se ocorrer ingestão acidental do produto em doses excessivas, deve-se procurar orientação médica e deve ser considerado o esvaziamento gástrico logo após o acidente.

Cuidados de conservação e uso:

Água Inglesa Catarinense deve ser guardado em sua embalagem original, à temperatura ambiente [15ºC a 30ºC].

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

INFORMAÇÕES TÉCNICAS AOS PROFISSIONAIS DA SAÚDE:

As propriedades da Água Inglesa Catarinense são devidas especialmente aos princípios amargos de cada um de seus constituintes:

A Quina amarela - Cinchona calisaya Wedd., apresenta como principal constituinte a quinina que promove a estimulação da secreção salivar e dos sucos gástricos, fazendo com que seja indicada como estimulante do apetite e para queixas dispépticas.

A Comissão E da Alemanha aprovou o uso da Canela da China – Cinnamomum cassia Blume para pacientes com perda do apetite e queixas dispépticas.

A efetividade da Losna – Artemisia absinthium L. é baseada nos princípios amargos e óleos voláteis que justificam seu uso contra a perda do apetite e dispepsia. Estudos “in vitro” demonstram que a administração oral de absintina, um dos constituintes da losna, aumentou a atividade gástrica secretora e a acidez estomacal, demonstrando que ela causa estimulação reflexa do suco gástrico.

Os princípios amargos da Centáurea Menor – Centaurium erythraea Rafn estimulam, reflexivamente, a secreção gástrica e a bile; por isso melhoram o apetite e a digestão.

A ação espasmolítica da Camomila vulgar – Matricaria recutita L. é devida às flavonas, particularmente à apigenina, assim como o alfa-bisabolol.

A Carqueja Amarga – Baccharis trimera (Less.) DC. e a Calumba – Jateorhiza palmata Miers atuam como estimulante do apetite. A sinergia desta formulação faz do produto Água Inglesa Catarinense um excelente digestivo e estimulante do apetite.

Resultados de eficacia:

Até o momento não foram encontrados dados de percentagem de cura ou prevenção do produto.

Indicações:

Água Inglesa Catarinense é indicado como medicação aperiente e tônica.

Contra indicações:

Água Inglesa Catarinense é contra indicado para pessoas com hiperacidez estomacal, epilepsia, gastrite, úlceras gastroduodenais, síndrome do intestino irritável, colite ulcerosa, enfermidade de Crohn, Mal de Parkinson, hepatopatias ou dispepsias hiposecretoras.

Água Inglesa Catarinense não deve ser utilizado durante a gravidez e para pacientes com hipersensibilidade à droga ou a seus componentes.

Modo de Usar:

A posologia foi estabelecida em 1 cálice (30ml), antes das refeições.

Advertências:

Altas doses de Água Inglesa Catarinense podem causar dor de cabeça, distúrbios da visão, zumbido no ouvido, náuseas, vômitos, gastroenterites e espasmos.

Categoria C: Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Este medicamento só deve ser utilizado por via oral.

Uso em pacientes idosos, crianças e outros grupos de risco

Para pacientes idosos, aconselha-se consultar seu médico para ajuste de posologia.

Interações Medicamentosas:

Até o momento não são conhecidas Interações Medicamentosas: de Água Inglesa Catarinense com
outros medicamentos ou substâncias.

Reações adversas:

Água Inglesa Catarinense é bem tolerado nas doses terapêuticas descritas na posologia.

Ainda não são conhecidas a intensidade e frequência das reações adversas.

Superdosagem:

Se ocorrer ingestão acidental do produto em doses excessivas, deve-se procurar orientação médica e deve ser considerado o esvaziamento gástrico logo após o acidente.

Número do lote, data de fabricação e prazo de validade: vide cartucho.
M.S. 1.0066.0002.001-5
Farm. Resp.: T. Fujii - CRF-SC Nº 947

Fabricante ;

Laboratório Catarinense S.A.
Rua Dr. João Colin, 1053
89204-001 - Joinville - SC
CNPJ 84.684.620/0001-87
Indústria Brasileira
SAC 0800-474222s

Medicamentos do mesmo fabricante:

Água Boricada, Água Inglesa, Água Oxigenada Catarinense, Alcachofrax, Bicabornato de Sódio Catarinense, Camomila Composta Catarinense, Canfora Sintética Catarinense, Cartamus 100 Catarinense, Catuama, Ginkoba, Ginkobil, Ginkomed, Óleo de Amendoas Catarinense, Óleo de Peixe Catarinense, Sal Amargo Catarinense.

Modo de usar e cuidados de conservação depois de aberto:

O líquido deve ser ingerido por via oral.

Água Inglesa Catarinense deve ser guardado em sua embalagem original, à temperatura ambiente [15ºC a 30ºC].

Armazenagem:

Água Inglesa Catarinense deve ser guardado em sua embalagem original, à temperatura ambiente [15ºC a 30ºC].

Advertências:

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A automedicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos:

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma:

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.