Site Bulário Brasil
Procure o medicamento pelo nome comercial. Vários tipos de calculadoras médicas Procure o medicamento pelo princípio ativo Procure o medicamento pela classe terapêutica Mande-nos um e-mail

Actifedrin, Indicaçõese bula

Esta bula é um registro histórico do medicamento descrito abaixo, meramente informativo e destinado ao público em geral.

Princípio ativo : cloridrato de triprolidina

Classe Terapêutica: Anti-histamínicos.

Apresentação :

Xarope – embalagem contendo 100 ml
Comprimidos – embalagem contendo 20 comprimidos

Indicação : Actifedrin é indicado no alívio sintomático das rinites.

Contra Indicação :

Actifedrin não deve ser administrado nas situações a seguir:
· Pacientes que estejam tomando ou tenham tomado antidepressivos nas duas semanas precedentes.

· Pacientes que apresentem pressão alta ou gordura nas artérias do coração.

· Pacientes em tratamento com medicamentos a base de furazolidona.

· Crianças abaixo de dois anos.

· Grávidas e lactantes.

· Hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula.

Modo de Usar :

Adultos e crianças acima de 12 anos de idade.

1 comprimido ou 10 ml (1 copo medida) de xarope três ou quatro vezes ao dia.

Crianças até 12 anos de idade.

6 - 12 anos: 5 ml (1/2 copo medida) de xarope três ou quatro vezes ao dia.

2 - 5 anos: 2,5 ml (1/4 copo medida) de xarope três ou quatro vezes ao dia.

Este medicamento deve ser usado em estados agudos e, no máximo, por três a cinco dias. Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Não interrompa o tratamento sem o conhecimento de seu médico. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Antes de usar observe o aspecto do medicamento.

Efeito Colateral :

Pode ocorrer depressão ou excitação do sistema nervoso central, sendo que sonolência é o que se relata com maior frequência.

· Foram relatados distúrbios do sono e, raramente, alucinações.

· Ocasionalmente, relataram-se rashes cutâneos, com ou sem irritação, batimento rápido do coração e ressecamento de boca, nariz e garganta.

· Ocasionalmente, relatou-se retenção urinária em homens que tomavam pseudoefedrina; o aumento da próstata pode ter sido um importante fator predisponente.

· Hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula.

Precauções e Cuidados :

Actifedrin pode causar sonolência e comprometer o desempenho em testes de vigilância auditiva.

· Os pacientes não devem dirigir automóveis ou operar máquinas, até que sejam determinadas suas respostas ao medicamento.

· Os pacientes que usam Actifedrin devem evitar o uso concomitante de álcool ou outros sedativos, embora não haja dados objetivos sobre tais interações.

· Actifedrin deve ser utilizado com cautela em pacientes que estejam tomando descongestionantes, supressores de apetite e estimulantes psíquicos do tipo anfetamina.

· Actifedrin deve ser usado com cuidado em pacientes com pressão alta, doença cardíaca, diabetes, hipertireoidismo, pressão intraocular elevada ou hipertrofia da próstata.

· Deve-se tomar cuidado quando houver a presença de insuficiência renal ou hepática grave.

· Não existem estudos específicos com Actifedrin em pacientes idosos.

Contudo, a experiência indica que a dose preconizada para adultos mais jovens é apropriada também para idosos. Aconselha-se controlar a função renal e/ou hepática e adotar precaução no caso de insuficiência grave destas funções.

Atenção: Actifedrin xarope contém açúcar, portanto deve ser usado com cautela em portadores de diabetes.

Superdosagem :

Em casos de superdosagem podem ocorrer sintomas como sonolência, perda temporária e completa da sensibilidade e do movimento, tontura, fraqueza, falta de ar passageira, ressecamento da pele e mucosas, batimento rápido do coração, pressão alta, irritabilidade, convulsões e dificuldade de urinar. Nestes casos, o médico deverá ser informado com urgência, para que sejam tomadas as medidas necessárias.

Fórmula :

Cada 1 ml contém 0,25 mg de cloridrato de triprolidina; 6 mg de cloridrato de pseudoefedrina.

Excipientes presentes em 1 ml: (sacarose, sorbitol solução a 70%, metilparabeno, benzoato de sódio, corante amarelo de
quinoleína, hidróxido de sódio e água).

Cada comprimido contém 2, 5 mg de cloridrato de triprolidina; 60 mg de cloridrato de pseudoefedrina.

Excipientes presentes em 1 comprimido: (lactose monoidratada, amido, povidona, estearato de magnésio e água).

Armazenamento

Actifedrin deve ser conservado em temperatura ambiente (entre 15ºC e 30°C) e em sua
embalagem original. do lote, data de fabricação e prazo de validade: vide cartucho.

Interação Medicamentosa :

· O uso concomitante de Actifedrin com outros descongestionantes, antidepressivos, supressores do apetite e psicoestimulantes como as anfetaminas pode, ocasionalmente, causar uma elevação na pressão arterial.

· Actifedrin pode alterar a ação de alguns medicamentos para pressão alta que contêm bretílio, betanidina, guanetidina, debrisoquina, metildopa e os alfa e
betabloqueadores.

Informações Legais

MS: 1.0390.0155
Farm. Resp.: Dra. Marcia Weiss I. Campos
CRF - RJ n°4499
SAC: 08000-250110

Fabricante :
FARMOQUÍMICA S/A
Rua Viúva Cláudio, 300
Rio de Janeiro - RJ
CNPJ: 33.349.473/0003 -10
SAC 08000 25 0110
e-mail: sac@fqm.com.br

INDÚSTRIA BRASILEIRA

Medicamentos do Mesmo fabricante :

Abrilar, Actifedrin, Adoless, Amoxifar, Ampifar, Annita, Ascarical, Azitrax GU, Azitrax, Cefuroxima Baldacci 500, Colpistar, Gynomax, Inflanox, Inicox, Lozap 40 mg, Lozap, Materfolic, Mtervit, Nutrical_d, Omeprazol Meprazento, Otociriax, Probec, Secni Plus, Stomet, Ultrafer, Umckan, Unizol.


Advertências :

Leia atentamente a bula antes de tomar qualquer medicamento.

Caso tenha alguma dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para você e não deve ser dado a outras pessoas; o medicamento pode prejudicial, mesmo a pessoas que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar qualquer efeito secundário não mencionados nesta bula, informe o seu médico ou farmacêutico.

Esta bula pode ser utilizada apenas como uma referência secundária e informativa, pois trata-se de um registro histórico deste medicamento, portanto apenas a bula que acompanha o medicamento está atualizada de acordo com a versão comercializada. Sendo assim este texto não pode substituir a leitura da bula original.

O ministério da saúde adverte:

A auto-medicação pode fazer mal à sua saúde, lembre-se, a informação é o melhor remédio

Como descartar os medicamentos :

Todo medicamento, por conter diversas substâncias químicas, podem representar perigo ao meio ambiente e as pessoas, caso descartados incorretamente.

Nunca despeje líquidos no ralo ou em vasos sanitários, pois podem contaminar águas, mesmo no caso de cidades que contem com usinas de tratamento.

Os medicamentos são produtos que de maneira nenhuma devem ser consumidos fora do prazo de validade.

Informe-se sobre os locais que fazem a coleta adequada dos medicamentos vencidos. O sistema é parecido com o descarte de eletrônicos. Os laboratórios e postos de saúde são responsáveis pelo descarte apropriado para os remédios e algumas farmácias também recolhem os produtos.

Ampolas, seringas, agulhas e frascos de vidro danificados devem ser entregues à farmácia em uma sacola diferente daquela que contém restos de remédios

As embalagens dos medicamentos não devem ser reaproveitadas para o armazenamento de outras substâncias de consumo devido à potencial contaminação residual.

Como conservar seus medicamentos da melhor forma :

Mantenha o produto na embalagem original, tampado, guardado em lugar fresco e seco, ao abrigo da luz, de radiações e de calor excessivo.

No caso de cápsulas, não retire o sachê de sílica do interior da embalagem.

Mantenha-o longe do alcance de crianças.

Manuseie-o com as mãos limpas.

Se a embalagem contiver a etiqueta “Fórmula Fracionada”, siga a orientação descrita na etiqueta

O peso/volume do produto corresponde aquele discriminado no rótulo. A capacidade da embalagem pode ser maior do que seu conteúdo

Limpeza: essencial em qualquer situação. Mantenha os medicamentos livres de pó, partículas e mofo.

Medicamentos devem ser armazenados isoladamente de cosméticos, produtos de limpeza, perfumaria, etc.

Os medicamentos devem ser guardados em salas protegidas da entrada de insetos, roedores e aves.

Caso observe alteração de cor, odor, ou consistência, procure seu farmacêutico.


Jesus a Chave Hermenêutica, Curso exclussivo com o Pastor Caio Fábio